https://youtu.be/xOV7aLnpSUU A decisão do Tribunal Regional Federal de Porto Alegre, aumentando de 9 para 12 anos de prisão a sentença do Sérgio Moro contra Lula, acabará chegando aos 386 anos de Cunha ou à humilhação do ex-governador Sérgio Cabral, que foi acorrentado nas mãos e nos pés, como na época da escravatura? Novamente, a Lava Jato demonstra não conhecer limites, sobretudo agora que só encontra apoio nas manipulações da mídia.

11 COMENTÁRIOS

  1. Esse golpe para destruir a soberania nacional e a democracia no Brasil foi alertado por várias autoridades em muitas oportunidades.
    O presidente da Rússia Vladimir Putin alertou Dilma Roussef em vários encontros do G-20 e do BRICS que o Brasil estava sendo espionado e seria o próximo alvo da CIA após os golpes parlamentares e judiciários em HONDURAS e PARAGUAI.
    O ex-agente da CIA Edward Snowden alertou entre 2011 e 2014, inúmeras vezes, a presidente Dilma Roussef e os governantes que o BRASIL estava sendo gravemente espionado gravemente desde 2009 quando a CIA treinou juízes e procuradores brasileiros e paraguaios, no Rio de Janeiro, para aplicar golpes parlamentares e judiciários no PARAGUAI e BRASIL visando interesses econômicos, roubo de riquezas naturais, aprovação das leis do trabalho escravo e principalmente obter a “RENÚNCIA FISCAL DE IMPOSTOS PARA AS MULTINACIONAIS”, como ocorreu em Honduras (as fábricas de Jeans, indústria têxtil americana que usa mão de obra escrava e mão de obra infantil nas fábricas americanas em Honduras), e no Brasil o alvo foi muito maior:

    1- Terminar a COMPLETA COLONIZAÇÃO DO BRASIL iniciada na era FHC. Retomar as PRIVATARIAS (137 empresas nacionais foram doadas por FHC na bacia das almas em troca de propinas no ESQUEMA BANESTADO). No alvo do golpe de 2016 foi planejada a privato-doação da ELETROBRAS e das 328 usinas hidrelétricas do Brasil. Entrega da maior reserva petrolífera gigante do mundo, descoberta recente do PRE-SAL torna alvo de interesse dos EUA porque no mundo 80% dos campos no mundo são muito antigos e maduros e estão na fase de acentuado declínio da produção, o pré-sal é também a mais produtiva reserva do planeta, pois em menos de 4 anos a Petrobras desenvolveu novas e avançadas técnicas seguras de produção atingindo a meta de hum milhão de barris em apenas 4 anos. Nenhum sitio petrolífero do mundo atingiu essa marca de hum milhão de barris num tempo tão curto (a maioria demorou 15 a 20 anos para atingir essa meta), evidenciando que o PRE-SAL brasileiro é o campo mais produtivo e lucrativo do planeta.
    Para roubar essa reserva gigante do pre-sal que tem volume de óleo da ordem de 176 BILHÕES DE BARRIS (maior que a reserva do Iraque e muito mais produtiva), A CIA PLANEJOU, PASSO A PASSO, O GOLPE JUDICIÁRIO DE 2016, A CIA TREINOU SERGIO MORO E SEUS PROCURADORES PARA PLANEJAR UMA “OPERAÇÃO DE GUERRA” QUE FOI DENOMINADA “OPERAÇÃO LAVA JATO”, Pasmem, os personagens dessa sinistra e maquiavélica e medieval operação são os mesmos personagens do ESCÂNDALO BANESTADO.
    Essa OPERAÇÃO LAVA JATO gerou um prejuízo de 200 bilhões de reais, em QUATRO ANOS DE PROPOSITADA INCOMPETÊNCIA, para a indústria nacional e para a ex estatal Petrobras, diga-se de passagem, a Petrobras desde o dia 10 de janeiro de 1999, foi vitimada na Bolsa de New York, no governo FHC, de uma processo de “privatização branca” (privatização fraudulenta) feita na Bolsa de New York.
    2- A DILMA teve oito oportunidades para “desfazer o golpe da CIA”:
    2.1- Acatar as denúncias de espionagem e “preparação do golpe judiciário”, muitos alertas feitos no exterior e no Brasil, e partir para a prisão dos juízes e políticos golpistas e lesa pátrias que já estavam coaptados pela CIA e remunerados pelas multinacionais desde 2011 como alertou Edward Snowden centenas de vezes.
    2.2- Suspender a LEI DELEGADA feita pela Dilma que deu plenos e ilimitados poderes para o poder judiciário. Essa lei foi uma arma usada pelos inimigos para conspirar contra o governo nacional e entregar as riquezas naturais do Brasil para o império anglo americano;
    2.3- Impedir que juízes e procuradores conspirem em “missões secretas no exterior”. Rodrigo Janot e Sergio Moro conspiraram abertamente foram aos EUA TRÊS VEZES SEGUIDAS, conspirar e negociar os passos do golpe e negociaram com as petrolíferas americanas e pasmem até com os ganhadores das raspadinhas da “privatização branca” da Petrobras feita por FHC, o corrupto genro de FHC sr David Zylberesztajn, o corrupto banqueiro francês Henry Phillipe Reischtull e o espanhol sr Nestor Cerveró, TODOS foram nomeados por FHC, respectivamente, para a presidência da ANP, presidência da Petrobras (Reischtull foi o único presidente estrangeiro na presidência da ex estatal Petrobras nomeado por FHC em 1998) e para a diretoria internacional (Nestor foi também o único diretor estrangeiro na ex estatal Petrobras também nomeado por FHC em 1999)
    2.4- Em 2012 a própria Dilma viu o GOLPE PARLAMENTAR E JUDICIÁRIO ocorrido no Paraguai contra Fernando Lugo e dois TUCANOS participaram nesse golpe num “ensaio” para o golpe no Brasil, os irmãos tucanos corruptos do Paraná srs Álvaro Dias e Osmar Dias, que têm como suplentes os parentes de Sergio Moro: OSVALDO MALUCELLI MORO e JOEL MALUCELLI donos do Paraná Banco, do grupo Malucelli e sócios da BAND NEWS com João Saad e da coligada da REDE GLOBO no PARANÁ. O tucano ÁVARO DIAS tem um feroz aliado nos desvios de 500 milhões de reais em roubo de verbas no Paraná, o doleiro ALBERTO YOUSSEF financiou as campanhas tucanas de ÁLVARO DIAS e alugou seu avião para as campanhas tucanas.
    2.5- A DILMA teve também um alerta de GOLPE JUDICIÁRIO tentado na TURQUIA contra o premier ERDOGAN, o golpe fracassou porque ERDOGAN percebeu a participação da CIA e das petrolíferas americanas no golpe e com apoio popular ele prendeu 2.750 juízes e procuradores e políticos coaptados pela CIA e petroliferas, o povo apoiou ERDOGAN os golpistas foram presos.
    2.6- A DILMA teve outro alerta de GOLPE JUDICIÁRIO MUITO SIMILAR AO BRASIL (LAVA JATO) NA MALÁSIA em 2014 (confira no google: “George Soros – Mahatir Coup”) que fracassou. O premier Mahatir prendeu TODOS OS ENVOLVIDOS e FELIZMENTE a petrolífera PETRONAS OF MALASYA foi salva da tentativa de golpe. É bom lembrar que os dois maiores prédios do mundo são da PETRONAS (PETRONAS TOWERS) em Kuala Lumpur, George Soros agiu atacando Mahatir para levar na mão grande a PETRONAS como ele fez com a PETROBRAS na era FHC em 1999 na BOLSA DE NEW YORK levou na mão grande SEIS BILHÕES DE AÇÕES PREFRENCIAIS DA PETROBRAS doadas por FHC na bacia das almas por menos que 1% do valor patrominial e de mercado;
    2.7-DILMA perdeu a chance de REVERTER o golpe em março de 2015 quando vazaram e-mails trocados pelo corrupto senador lesa pátria e ladrão José Chirico Serra: WIKLEAKS: SERRA PARA CHEVRON: “CALMA, VAMOS DERRUBAR O GOVERNO, ENTREGAR O PRE-SAL E REVOGAR A LEI DA PARTILHA PARA ISENTAR AS PETROLÍFERAS ESTRANGEIRAS DOS IMPOSTOS”!!!@@@@QUE CANALHA ELE PREPAROU A PEC-131 PARA O CORRUPTO LADRÃO VAMPIRÃO MI-SHELL TEMER DOAR O PRE-SAL E AJUDOU NA ELABORAÇÃO DA MP-795 DA RENUNCIA FISCAL DOS IMPOSTOS SOBRE O PETROLEO!!!@@@
    2.8- DILMA poderia ter pedido a SUSPEIÇÃO DO SINISTROS ATORES DA LAVA JATO pois ambos (Sergio e Carlos Fernandes) atuaram de forma partidária e corrupta no ESCANDALO BANESTADO, blindaram os 300 pilíticos obedientes a FHC, mantiveram soltos os 70 doleiros presos na OPERAÇÃO MACUCO em 1997, 1999 e 2002

  2. A CIA e o governo americano desde os tempos de Henry Kissinger (1974, Memorando 200 NSSM-200) visando a posse de riquezas naturais no terceiro mundo (petróleo, nióbio, cobre, titânio, ouro, silício, manganês, estanho, molidbênio, e outros metais nobres) já planejavam golpear e constranger o terceiro mundo e os países emergentes com centenas de golpes militares, conflitos internos, privatarias na bacia das almas planejadas pelo CONSENSO DE WASHINGTON (teve FHC como o maior signatário em 1993, com ajuda da REDE GLOBO, em 1994 FHC derrubou o autor do Plano Real iniciado por Rubens Ricúpero para assumir a falsa autoria do plano, enganar eleitores e colocar em prática O ENTREGUISMO, os apagões e as privatarias exigidas pelo FMI e Consenso de Washington).
    Mais recentemente para terminar o DESMONTE NACIONAL nessas nações os EUA planejaram o tal “Lawfare” (desaparecimento biológico e/ou condenações de líderes políticos mais nacionalistas, acusá-los sem provas e por convicções partidárias feitas por juízes e procuradores treinados pela CIA em 2009, o no Brasil foi adestrado o sr Sergio Fernando Moro, parente de donatários do poder no Paraná, com ajuda de velhos aliados 300 políticos traidores e lesa pátrias eles reiniciaram um feroz desmonte nacional e colocaram em prática golpes judiciários, ensaiados em Honduras em 2010 e no Paraguai em 2012).

    GOLPES JUDICIÁRIOS (TENTATIVA DE “LAWFARE”) REMUNERADOS E PLANEJADOS PELA CIA E PELAS PETROLÍFERAS AMERICANAS FRACASSARAM NA MALÁSIA E NA TURQUIA: 2.750 JUÍZES TRAIDORES FORAM PRESOS POR MAHATIR E ERDOGAN COM APOIO POPULAR ELES SALVARAM A SOBERANIA NACIONAL

    Os golpes judiciários e golpes parlamentares tentados pelas petrolíferas americanas e mega especuladores liderados por George Soros (o mega agiota amigo de FHC, patrão de Armínio Fraga levou na mão grande a “privatização branca fraudulenta” da Petrobras na Bolsa de NY, um lote bilionário de seis bilhões de ações preferenciais da ex estatal Petrobras, doadas por FHC no dia 10/01/1999 no ) na MALÁSIA (2014, tendo como alvo a gigante PETRONAS OF MALASYA) e na TURQUIA (2015, tendo como alvos os dutos de petróleo) foram orquestrados pela CIA e pelas multinacionais, mas ao contrário do desfecho do golpe no Brasil, eles fracassaram o povo denunciou o golpe antes da data marcada pela o golpe.
    O ex agente da CIA Edward Snowden cansou de alertar o Paraghai e o Brasil, publicou entre 2011 e 2015, centenas de alertas em jornais de todo o mundo sobre a preparação do golpe no Brasil,Paraguai e Honduras visando interesses econômicos nesses países diário oficial, FSP e muitos jornais do Brasil e do mundo publicaram informações do Wikileaks da CIA na preparação dos golpes parlamentares e judiciários nas republicas da America Latina espionados pelas empresas petrolíferas. Vejam uma das publicações mostram que o golpistas TEMER, EDUARDO CUNHA, AÉCIO NEVES, JOSÉ CHIRICO SERRA trocaram e-mails com as multinacionais e o governo americano, o procuradores da Lava a Jato, operação de guerra” cuidadosamente planejada em 2009 pela CIA treinaram e remuneraram os mesmos personagens do ESCÂNDALO BANESTADO (os mesmos políticos, os mesmos doleiros, o mesmo juiz tucano, os mesmos procuradores) o propinoduto das privatarias tucanas no estado do Paraná que captou e lavou MEIO TRILHÃO DE REAIS (125 bilhões de dólares) em troca das 137 privatarias tucanas, incluindo a entrega da maior minerado do mundo A VALE DO RIO DOCE e oito trilhões de dólares em reservas de nióbio e silício que foram contrabandeados com pagamento de propinas a dois governadores corruptos Aécio e Anastasia eles receberam 500 milhões de dólares entre 1997 e 2010 em contas secretas na Alemanha LIECHTENSTEIN (VIDE CPI DA MINERAÇÃO ABAFADA POR AECIO EM 2009: “Jornalista Carone denunciou: AS OVERDOSES DE AÉCIO E O CONTRABANDO DE NIÓBIO), a BHP SAMARCO e a BILLITON e CBMM, roubaram trilhões de dólares em nióbio agindo de forma predatória e criminosa após a sua privatização em 1997, resultou em CINCO DESASTRES em MG (Nova Lima em 1999, Ibirité em 2001, Vargem Grande e Paracatu em 2004 e o maior desastre do mundo em 2015 a SAMARCO, atualmente blindada pelo PIG e pelo PMF-MG, matou o eco-sistema, arrasou com a vida de seis milhões de moradores em MG e ES, destruiu a fauna e o eco-sistema, gerou propinas bilionárias a Aécio, prejuizos materiais em 132 cidades e segundo a FEAM trouxe a FEBRE AMARELA para o Brasil, uma doença que estava erradicada desde 1910 por Vital Brasil, colocou o país atrás de países africanos também explorados pelas mineradoras anglo americanas há séculos)
    NO ESCÂNDALO BANESTADO, A SRA ROSÂNGELA QUADROS MORO ADVOGOU PARA A SHELL E PARA OS 300 POLÍTICOS DEMO TUCANOS ENVOLVIDOS NO PROPINODUTO DAS PRIVATARIAS TUCANAS, ELA É A SINISTRA ESPOSA DO AGENTE DA CIA SERGIO MORO (TREINADO PELA CIA COM JUÍZES DO PARAGUAI EM 2009: CIA-COUNTER SPY ACTION CSA-105 JUDGE PROCEDURES TRAINING 2009)
    VEJAM OS VAZAMENTOS FEITOS POR ASSANGE NO WIKILEAKS SOBRE A CONSPIRAÇÃO DE TEMER, CUNHA, SERGIO MORO, ALVARO DIAS, ALOÍSIO NUNES, JOSE SERRA COM AS PETROLÍFERAS AMERICANAS E O SECRETÁRIO DE ESTADO NOS EUA OFERECENDO, EM TROCA DO APOIO DO GOLPE DE 2016, A DOAÇÃO DO PRE-SAL, ISENÇÃO DE IMPOSTOS PARA AS PETROLÍFERAS BASE DE ALCÂNTARA, APROVAÇÃO DA LEI DO TRABALHO ESCRAVO PARA BENEFICIAR AS MULTINACIONAIS, REVOGAÇÃO DA LEI DA PARTILHA NO PETRÓLEO, DOAÇÃO DE USINAS HIDRELÉTRICAS NA BACIA DAS ALMAS, CRIAÇÃO DE UM ESTADO DE EXCEÇÃO NO BRASIL, E MUITAS OUTRAS MAZELAS E GOLPES CONTRA A SOBERANIA NACIONAL:

    https://www.brasil247.com/pt/247/poder/274189/Assange-Temer-trocou-segredos-do-Brasil-por-apoio-dos-Estados-Unidos.htm

    Realmente a Dilma perdeu a chance de reverter o golpe prendendo os conspiradores como ocorreu na Malásia (golpe judiciário articulado pela CIA e George Soros, fracassado contra Marathir em 2014) e na Turquia (golpe judiciário articulado pela CIA e as petrolíferas contra Erdogan, fracassado em 2015, uma quadrilhão de 2.750 políticos e juízes traidores coaptados pela CIA e petrolíferas americanas foram presos)

    É NOJENTO VER ESSE JUDICIÁRIO CORRUPTO PROTAGONISTA DA CRISE E DO DESMONTE NACIONAL BLINDANDO CENTENAS DE DELAÇÕES, FALSIFICANDO VENDENDO DELAÇÕES SELETIVAS E MARCADAS COM SENHA LULA, VENDENDO SENTENÇAS COMO REVELOU TACLA DURAN, SERGIO MORO EXIGIU PROPINAS DE 400 MILHÕES DA ODEBRECHT PARA ALIVIAR SENTENÇAS, SALVAR PATRIMÔNIO (A LAVA JATO ENSAIOU A INVASÃO COM OS DIRETORES PARA PROTEGER 90% DO PATRIMÔNIO DO CORRUPTO EMILIO ODEBRECHT, AMIGO PESSOAL DE FHC, AS INFORMAÇÕES SOBRE A SUPER LUCRATIVA BRASKEM A PETROQUIMICA QUE PERTENCIA À PETROBRAS ELA VALE 700 DE REAIS BILHÕES E FOI DOADA POR FHC EM 1996 PARA EMILIO ODEBRECHT. NA SEMANA ANTERIOR A INVASAO LAVAJATEIRA SERGIO MORO E OS PROCURADORES COMBINARAM A RETIRADA DOS COMPUTADORES DA BRASKEM ODEBRECHT E “PROPOSITADAMENTE” DERRUBARAM O SERVIDOR DA TI DA ODEBRECHT EM MARÇO DE 2014 TODA ESSA FORTUNA E AS OPERAÇÕES DA BRASKEM FORAM PARAR NUMA SUBSIDIÁRIA DE FACHADA NA SINGAPURA: “ODEBRECHT SINGAPORE LTD” E LÁ FICARAM A SALVO DA FARSA TEATRAL DA LAVA JATO, NOVENTA POR CENTO DOS LUCROS DA ODEBRECHT FICARAM PROTEGIDOS EM TROCA DE DELAÇÕES DIRECIONADAS E PROVAS FALSIFICADAS. OS CORRUPTOS EMILIO ODEBRECHT E SEU FEROZ ALIADO TUCANO PAULO ROBERTO COSTA (NOMEADO POR FHC NA DIRETORIA DA PETROBRAS EM 1996) FOI NOMEADO COMO PRESIDENTE DESSE GRUPO “ODEBRECHT BRASKEM SINGAPORE” O AMIGO PESSOAL DE FHC E PAULO COSTA SR JOAQUIM VELOSA, MARIDO DA SINSTRA SRA VENINA VELOSA EX ASSESSORA DO EX-DIRETOR PAULO COSTA DEMITIDO POR DILMA EM ABRIL DE 2010.
    É NOJENTO VER O VAMPIRÃO GOLPISTA LADRÃO GOLPISTA E LESA PÁTRIA O ASQUEROSO SR MI-SHELL TEMER ALIADO DE CUNHA, SERRA, FHC E SERGIO MORO NO GOLPE PASMEM: GASTANDO 62 BILHÕES DE REAIS DO ERÁRIO PUBLICO PARA SALVA-LO DA CONDENAÇÃO CADEIRA E DO IMPEACHMENT E NEGOCIANDO A ENTREGA DE MILHÕES DE REAIS EM MALAS DE DINHEIRO PARA ENTREGA A ROCHA LOURES (NUM RESTAURANTE O VÍDEO MOSTRA O ASSESSOR DE TEMER FUGINDO COM AS MALAS DE DINHEIRO) E AINDA DESCARADAMENTE O CORRUPTO LADRÃO SR MI-SHELL TEMER MANDANDO O JOESLY (EM GRAVAÇÃO DA PF) PAGAR EDUARDO CUNHA AS GRAVAÇÕES DA POLÍCIA FEDERAL MOSTRANDO O CORRUPTO SENADOR REI DA EXTORSÃO E DO TRÁFICO DE DROGAS SR AÉCIO NEVES PROMETENDO MATAR DELATORES, NEGOCIANDO A ENTREGA DE MALAS DE DINHEIRO (10 MILHÕES DE REAIS) PARA A CASA DO PRIMO E DA IRMÃO CORRUPTA ANDREIA NEVES CENTENAS DE MALAS DE DINHEIRO, MOSTRADAS NA MÍDIA, UM APARTAMENTO DE GEDDEL VIEIRA REPLETO DE MALAS COM 51 MILHÕES DE REAIS EM DINHEIRO NEM SEQUER SENSIBILIZOU O PAVÃO DE CURITIBA AGENTE DA CIA SERGIO MORO, E MUITOS OUTROS ESCÂNDALOS CENTENAS DE MALAS DE DINHEIRO TRANSPORTADAS PELAS LARANJAS CRISTIANE APARECIDA E MIRTES ASSASSINADAS EM DEZEMBRO DE 2002 PARA QUEIMA DE ARQUIVOS DOS CRIMES TUCANOS EM MINAS GERAIS (MENSALÃO TUCANO E ESQUEMA DE FURNAS) CRIMES ABAFADOS PELO JUIZ TUCANO JOAQUIM BARBOSA EM ABRIL DE 2012 NA AP-470 BLINDANDO OS TUCANOS ENVOLVIDOS.

    O LAWFARE blindou um pacotão de centenas de delações da OAS e ODEBRECHT, CHEVRON E SHELL contra o filho de FHC sr PHC e o genro de FHC, corrupto sr DAVID ZYLBERSZTAJN e contra o mega corrupto de lesa pátria sr José Chirico Serra: Verônica Serra, o corrupto genro Alexandre Bougeois, o corrupto primo de Serra Ricardo Sergio de Oliveira agiram com Alberto Youssef, Olga Yousef, Dário Messer, Adir Assad e outros 70 doleiros presos na operação macuco no caso Banestado todos soltos por Sergio Moro desde 1997 (como revelados pelos livros das PRIVATARIAS tucanas uma fortuna de 386 milhões de dólares pagos pelas petrolíferas aos familiares de FHC no Panamá Papers incluindo um imóvel que vale 37 milhões, 11 milhões de euros em Paris em Champs Elissés, um imóvel milionário em NY e outro em Barcelona para a amante de FHC pago com dinheiro das propinas das privatarias, a maioria lavados no Paraná entre 1995 e 2002 via contas CC-5, transitou pela conta TUCANO CH J&T, mega propinas 155 milhões de reais pagos em propinas obras superfaturadas no “ROUBO-ANEL” em São Paulo, 200 milhões de dólares em propinas da BHP Samarco para doar a VALE por menos que 1% do valor patrimonial, condenou LULA numa ridícula falsificação do caso do tríplex (um cortiço que Lula desistiu de comprar na planta no degradado e decadente bairro em Guarujá)

  3. ENTENDAM OS SEGREDOS DA LAVA JATO E O PLANEJAMENTO DA CIA E DAS CORRUPTAS ELITES BRASILEIRAS E OS MERGA ESPECULADORES DO SISTEMA FINANCEIRO INTERNACIONAL E AS AÇÕES MIDIÁTICAS DO PIG A MIDIA GOLPISTA BRASILEIRA ALIADA AO CAPITAL ESTRANGEIRO DESDE 1936.

    ENTENDAM PORQUE SERGIO MORO E A LAVA JATO PEDIU PROPINAS DE 400 MILHÕES DE REAIS PARA SALVAR A SUBSIDIÁRIA DA ODEBRECHT O GRUPO “BRASKEM ODEBRECHT” UM MEGA GRUPO PETROQUIMICO QUE PERTENCIA A PETROBRAS (NA ÉPOCA A PETROBRAS ERA TOTALMENTE ESTATAL, ELA FOI ALVO DE “PRIVATIZAÇÃO BRANCA” NA BOLSA DE NEW YORK FEITA POR FHC EM 10/01/1999 SEIS BILHÕES DE AÇÕES PREFERENCIAIS DA EX ESTATAL PETROBRAS FORAM DOADAS PARA GEORGE SOROS AMIGO DE FHC)

    https://www.youtube.com/watch?v=t_n0Vlp4Av0

    O ESCÂNDALO MOSSAK FONSECA FOI O MAIOR ESQUEMA DE CORRUPÇÃO DO PLANETA, INICIADO EM 1945 PARA OCULTAR FORTUNAS DE NAZISTAS E BANQUEIROS CORRUPTOS, POLÍTICOS CORRUPTOS, TRAFICANTES DE DROGAS E CONTRAVENTORES DE TODO O PLANETA, AS DENÚNCIAS FEITAS EM MEADOS DE 2014 REVELARAM QUE O FILHO DE FHC SR PHC ERA UM DOS MAIORES FORTUNAS OCULTAS OBTIDAS POR LAVAGEM DE DINHEIRO DA CORRUPÇÃO (A SINISTRA OPERAÇÃO LAVA JATO FOI CRIADA NESSA ÉPOCA PARA DERRUBAR O GOVERNO DILMA E ESCONDER ESSA CORRUPÇÃO E FAMILIARES DE FHC, O FILHO PHC ATUOU COMO “TESTA-DE-FERRO” NOS LEILÕES LESA PÁTRIAS DE 27 PETROQUÍMICAS DO GRUPO PETROBRAS TODAS (BRASKEM, COPENE, COPESUL, FAFEN, PETROQUISA, ETC) DOADAS POR FHC EM 1995 E 1996 NA BACIA DAS ALMAS PARA O AMIGO PESSOAL DE FHC O CORRUPTO DOM EMÍLIO ODEBRECHT PASSANDO DE UM PATRIMÔNIO DE 20 BILHÕES PARA 700 BILHÕES DE DÓLARES. COM ESSA PRIVATARIA CRIMINOSA DAS PETROQUÍMICAS O SR EMILIO ODEBRECHT CRIOU A SUBSIDIÁRIA DENOMINADA “BRASKEM ODEBRECHT” NESSAS PRIVATARIAS DAS PETROQUÍMICAS O CORRUPTO FILHO DE FHC SR PAULO HENRIQUE CARDOSO GANHOU PROPINAS DE 368 MILHÕES DE DÓLARES LAVADOS NO PANAMÁ NO ESQUEMA MOSSAK FONSECA, O “PANAMÁ PAPERS VIROU ESCÂNDALO MUNDIAL EM 2014 E 2015 MAS FOI MANTIDO ABAFADO PELA MÍDIA GOLPISTA BRASILEIRA ALIADO AO CAPITAL ESTRANGEIRO. FHC TAMBÉM COLOCOU O GENRO CORRUPTO DAVID ZYLBERSZTAJN E O FILHO CORRUPTO PHC COMO REPRESENTANTES (VIA EMPRESA DE FACHADA “DZ ENERGIA” E PROPINAS PAGAS NO PARANÁ VIA BANESTADO) NA COMPRA SUPERFATURADA DE 47 USINAS TÉRMICAS E OBRA DO GASODUTO GASBOL (TENDO O TUCANO PAULO ROBERTO COSTA, NOMEADO POR FHC EM 11/08/1996 NA DIRETORIA DE GÁS, ELE TAMBÉM ATUOU COMO TESTA DE FERRO NAS NEGOCIATAS E MARACUTAIAS DE FHC). OS CONTRATOS FORAM ASSINADOS COM AS EMPRESAS AMERICANAS E EUROPEIAS (SIEMENS, ENRON, EL PASO, NAS OBRAS DO GASBOL, TERMORIO, TERMOBAHIA, ETC) TODAS ESSAS OBRAS SUPERFATURADAS FORAM JUSTIFICADAS PELOS “APAGÕES PLANEJADOS PELO FMI E CONSENSO DE WASHINGTON COLOCADO EM PRÁTICA NAS PRIVATARIAS TUCANAS” AO MUNDO EM 2014 UM PESADO ESQUEMA DE CORRUPÇÃO E LAVAGEM DE DINHEIRO SUJO DESDE A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL

    A REDE GLOBO TIME LIFE criada por dois banqueiros americanos (City Bank e Mahatan Chase atual JP Morgan) pelas propinas do grupo TIME (grupo que elogiou Moro na preparação do golpe para derrubar Dilma em 2016) pela petrolífera ESSO

    SUGIRO QUE APRECIEM O VÍDEO SOBRE O ESCANDALO MOSSAK FONSECA, O PANAMÁ PAPERS E ENTENDAM O CAMINHO E O MAPA DA CORRUPÇÃO NO GOVERNO FHC QUE A LAVA JATO TUCANA ESCONDEU PARA BLINDAR OS FAMILIARES DE FHC E JOSÉ SERRA, SEGUNDO A REVISTA FORBES, O ESQUEMA OCULTOU FORTUNAS DE CENTENAS DE FAMILIARES DE POLÍTICOS ENVOLVIDOS NOS ESCÂNDALOS DAS PRIVATIZAÇÕES FRAUDULENTAS FEITAS NO BRASIL NA ERA FHC, INCLUINDO O CORRUPTO SR PAULO HENRIQUE CARDOSO FILHO DE FHC TEM 368 MILHÕES DE DÓLARES SUANDO EMPRESA DE FACHADA CH J&T E A CONTA TUCANO, O GENRO DE FHC O CORRUPTÍSSIMO LESA PÁTRIA LADRÃO SR DAVID ZYLBERSZTAJN FICOU BILIONÁRIO DOANDO CAMPOS PETROLÍFEROS GOGANTES DA EX ESTATAL PETROBRAS VENDIDOS POR PREÇOS DE HONDA CIVIC ENTRE 1997 E 2002 QUANDO ESSE CORRUPTO ASSUMIU A DIRECÇÃO DA ANP AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO.

    ISTO EXPLICA OS ACORDOS ENTRE OS LAVAJATEIROS COM A DIRETORIA DA ODEBRECHT (80% DO PATRIMÔNIO DA ODEBRECHT E SEUS LUCROS SÃO DA SUBSIDIÁRIA “BRASKEM ODEBRECHT”) PARA “DERRUBAR O SERVIDOR DA TI DA ODEBRECHT UMA SEMANA ANTES DA “INVASÃO ENSAIADA POR SERGIO MORO EM CONLUIO COM DOM EMÍLIO ODEBRECHT” E O ESTRANHO “SUMIÇO DE COMPUTADORES COM OPERAÇÕES FINANCEIRAS DO GRUPO BRASKEM ODEBRECHT”, TAMBÉM AS PROPINAS PAGAS PELA ODEBRECHT DENUNCIADAS PELO ADVOGADO TACLA DURAN FORAM DEVIDAS A ESSA MANOBRA PARA SALVAR O MAIOR PATRIMÔNIO DA FAMÍLIA ODEBRECHT A BRASKEM.

    NUMA MANOBRA SINISTRA, UMA SEMANA ANTES DO JUIZ TUCANO FAZER UMA ENCENAÇÃO PIROTÉCNICA DENTRO DA ODEBRECHT, O SR SERGIO MORO COMBINOU COM OS DIRETORES QUE OS COMPUTADORES E O SERVIDOR DA TI TERIAM QUE SER RETIRADOS PARA OCULTAR UM PATRIMÔNIO DE 700 BILHÕES DE REAIS DA SUBSIDIÁRIA DO GRUPO,. A BRASKEM, E NESSA MESMA ÉPOCA FOI CRIADO UM ESCRITÓRIO DE FACHADA DA BRASKEM ODEBRECHT NA SINGAPURA, A SINISTRA “BRASKEM ODEBRECHT SINGAPORE LTD” E PARA DIRIGIR ESSA FILIAL DO GRUPO FOIU ESCOLHIDO UM GRANDE AMIGO DE PAULO ROBERTO COSTA (TESTA DE FERRO DE FAMILIARES DE FHC) E PAULO HENRIQUE CARDOSO, O CORRUPTO PHC FILHO DO CORRUPTO CROCODILO CAIMÃO FHC, A FAMÍLIA ODEBRECHT GANHOU NA MÃO GRANDE UM PATRIMÔNIO ESTATAL DE 1,3 TRILHÕES DE DÓLARES COM A PRIVATARIA DAS 27 PETROQUÍMICAS DA PETROBRAS QUE PERTENCIAM AO ESTADO BRASILEIRO ELAS FORAM DOADAS POR FHC EM LEILÕES FRAUDULENTOS USANDO EMPRESAS DE FACHADA CRIADAS NO ESQUEMA MOSSAK FONSECA (TRADE CAIMAN LTD, DZ ENERGIA, CH J&T, OPPORTUNITY BANK, ETC DO DANIEL DANTAS E VERÔNICA SERRA, RICARDO SERGIO DE OLIVEIRA, DÁRIO MESSER, MARIN PRECIADO, ALEXANDRE BOURGEOIS, TERRENCE, OLGA YOUSSEF, E FAMILIARES DE JANENE COMO TESTAS DE FERRO)

    A ENCENAÇÃO DA LAVA A JATO DENTRO DA OBRECHT SÓ FOI FEITA APÓS ESSA MANOBRA DE OCULTAR 80% DO PATRIMÔNIO DO CORRUPTO DOM EMÍLIO ODEBRECHT AMIGO PESSOAL DE FHC QUE LEVOU NA MÃO GRANDE AS PETROQUIMICAS DA PETROBRAS DOADAS EM PRIVATARIAS FRAUDULENTAS EM 1995 E 1996 TENDO O SR PHC COMO MAIOR BENEFICIÁRIO NAS PROPINAS PAGAS PELA ODEBRECHT E PELAS MULTINACIONAIS NO ESCANDALO BANESTADO E LAVADOS NO ESQUEMA MOSSAK FONSECA O PANAMÁ PAPERS QUE ESCONDE FORTUNAS BILIONÁRIAS DE FAMILIARES DE FHC E JOSÉ CHIRICO SERRA. SERGIO MORO É UM PRODUTO TOTALMENTE TUCANO, AMIGO DESSES 300 CORRUPTOS DO QUADRILHÃO DO GOLPE, ELE RECEBEU ORDENS DO LIDER DO GOLPE SR EDUARDO CUNHA QUE ORIENTOU MORO EM MUITAS “DELAÇÕES SELETIVAS” PARA ESCONDER CRIMES TUCANOS E ATACAR LULA COM DENÚNCIAS DOS PEDALINHOS COMPRADOS PELA SRA MARISA SILVA E O IM[ÓVEL CORTIÇO DE GUARAUJÁ QUE PERTENCE AO CORRUPTO LEO PINHEIRO DA OAS, ELE AJUDOU SERGIO MORO A MONTAR A FARSA DO TRÍPLEX PARA PARA SE LIVRAR DE CONDENAÇÃO.
    A OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS FOI CUIDADOSAMENTE MONTADA NA ITÁLIA PELAS ELITES ITALIANAS EM CONLUIO COM A CIA PARA DESTRUIR OPOSITORES DE SILVIO BERSLUSCONI, CORRUPTO DONO DA MAIOR EMISSORA ITALIANA ( RAI), ELEGER BERSLUSCONI, DESTRUIR OPOSITORES E DEIXARAM ESCAPAR OS DOIS MAIORES MAIORES MAFIOSOS DA ITÁLIA, TOMÁZIO UBBUSCHETA (FUGIU PARA O BRASIL EM 1990 E FOI FLAGRADO EM PANAQUE COM FERNANDO COLLOR E PC FARIAS (VIDE LIVRO DE PEDRO COLLOR DE MELLO: “PASSANDO A LIMPO A HISTÓRIA DE UM FARSANTE” O O LIVRO “MORCEGO NEGRO” TOMÁZIO MOROU EM MACEIÓ POR 10 ANOS E SÓ FOI EXTRADITADO 10 ANOS DEPOIS DESCOBERTO PELA POLÍCIA INTERPOL QUE INVESTIGOU AS OPERAÇÕES DE REMESSAS ILEGAIS DA ÉPOCA DO CONFISCO DE COLLOR NO BRASIL, O MAFIOSO APARECEU NESSAS OPERAÇÃO DENOMINADA “OPERAÇÃO URUGUAI” QUE PROTEGEU 100 BILHÕES DE DÓLARES DAS ELITES BRASILEIRAS NA VÉSPERA DO COBFISCO DEVIDAMENTE AVISADO POR ZELIA CARDOSO DE MELLO E FERNANDO COLLOR DE MELLO, UMA GANGUE DE 8.600 BRASILEIROS SALVARAM SUAS FORTUNAS DESSE CONFISCO DE MARÇO DE 1990 SÓ OS BRASILEIROS COMUNS FORAM SACRIFICADOS NO CONFISCO.

    A OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS (MANI PULITE) TERMINOU COM A PRISÃO DO JUIZ PIETRO PELA ONU POR CORRUPÇÃO E CRIMES CONTRA OS DIREITOS HUMANOS, UM SALDO TRÁGICO DE 12 SUICÍDIOS, DESTRUIÇÃO DA ECONOMIA ITALIANA, DRÁSTICA REDUÇÃO DO PATRIMÔNIO DA EMPRESA ENI (ENTI NAZIONALE DI IDROCARBURI) A GIGANTE PETROLÍFERA ITALIANA FOI REDUZIDA A 20% DO SEU TAMANHO APÓS A OPERAÇÃO MANI PULITE, VENDA DE SENTENÇAS, MILHARES DE DELAÇÕES PREMIADAS COM PROVAS FALSIFICADAS PARA ATACAR INIMIGOS POLÍTOCOS DA ELITE ITALIANA E DE SILVIO BERSLUSCONI, CORRUPÇÃO E PROPINAS (COMO NA LAVA JATO DENUNCIOU TACLA DURAN A ODEBRECHT PAGOU 400 MILHÕES PARA SALVAR A BRASKEM QUE REPRESENTA 80% DO PATRIMÔNIO DA FAMILIA ODEBRECHT) E TAMBÉM MUITOS MAFIOSOS SOLTOS PELO JUIZ PIETRO ESCAPARAM E FICARAM FORAGIDOS (UM FICOU 10 ANOS FORAGIDO NO BRASIL TOMÁZIO UBBSUCHETA, E O OUTRO O ASSASSINO CARLO MARCELLO BERTONI FUGIU PARA A TAILÂNDIA E CESARE BATISTI PRESO NO BRASIL SOLTO POR EDMAR MENDES EM 2010) E MUITAS PESSOAS MORTAS PRESAS, TORTURADAS E MORTAS COMO OCORREU NO BRASIL NA LAVA A JATO COM O REITOR DA UFSC PRESO COERCITIVAMENTE CHANCELLIER, TORTURADO NÚ POR 29 POLICIAIS A MANDO DE SERGIO MORO, ELE SUICIDOU-SE POUCOS DIAS DEPOIS.

    POBRE BRASIL, VIROU UMA REPÚBLICA DAS BANANAS, UMA MEGA COLÔNIA DO IMPÉRIO ANGLO AMERICANO, UMA REPÚBLICA DOS LENTES COMO DIZIA RUY BARBOSA NA SUA MATÉRIA PUBLICADA EM 1916 NO JORNAL DO BRASIL “SINTO VERGONHA DE MIM” RUY BARBOSA CRITICOU A REPÚBLICA VELHA DECADENTE, O PODER DOS TOGADOS E DOS OLIGOPÓLIOS QUE SE REVEZARAM NO PODER ATÉ SEREM DERRUBADOS EM 1930 POR GETÚLIO VARGAS .

  4. ENTENDAM PORQUE SERGIO MORO E A LAVA JATO PEDIU PROPINAS DE 400 MILHÕES DE REAIS PARA SALVAR A SUBSIDIÁRIA DA ODEBRECHT O GRUPO “BRASKEM ODEBRECHT” UM MEGA GRUPO PETROQUIMICO QUE PERTENCIA A PETROBRAS (NA ÉPOCA A PETROBRAS ERA TOTALMENTE ESTATAL, ELA FOI ALVO DE “PRIVATIZAÇÃO BRANCA” NA BOLSA DE NEW YORK FEITA POR FHC EM 10/01/1999 SEIS BILHÕES DE AÇÕES PREFERENCIAIS DA EX ESTATAL PETROBRAS FORAM DOADAS PARA GEORGE SOROS AMIGO DE FHC)

    https://www.youtube.com/watch?v=t_n0Vlp4Av0

    O ESCÂNDALO MOSSAK FONSECA FOI O MAIOR ESQUEMA DE CORRUPÇÃO DO PLANETA, INICIADO EM 1945 PARA OCULTAR FORTUNAS DE NAZISTAS E BANQUEIROS CORRUPTOS, POLÍTICOS CORRUPTOS, TRAFICANTES DE DROGAS E CONTRAVENTORES DE TODO O PLANETA, AS DENÚNCIAS FEITAS EM MEADOS DE 2014 REVELARAM QUE O FILHO DE FHC SR PHC ERA UM DOS MAIORES FORTUNAS OCULTAS OBTIDAS POR LAVAGEM DE DINHEIRO DA CORRUPÇÃO (A SINISTRA OPERAÇÃO LAVA JATO FOI CRIADA NESSA ÉPOCA PARA DERRUBAR O GOVERNO DILMA E ESCONDER ESSA CORRUPÇÃO E FAMILIARES DE FHC, O FILHO PHC ATUOU COMO “TESTA-DE-FERRO” NOS LEILÕES LESA PÁTRIAS DE 27 PETROQUÍMICAS DO GRUPO PETROBRAS TODAS (BRASKEM, COPENE, COPESUL, FAFEN, PETROQUISA, ETC) DOADAS POR FHC EM 1995 E 1996 NA BACIA DAS ALMAS PARA O AMIGO PESSOAL DE FHC O CORRUPTO DOM EMÍLIO ODEBRECHT PASSANDO DE UM PATRIMÔNIO DE 20 BILHÕES PARA 700 BILHÕES DE DÓLARES. COM ESSA PRIVATARIA CRIMINOSA DAS PETROQUÍMICAS O SR EMILIO ODEBRECHT CRIOU A SUBSIDIÁRIA DENOMINADA “BRASKEM ODEBRECHT” NESSAS PRIVATARIAS DAS PETROQUÍMICAS O CORRUPTO FILHO DE FHC SR PAULO HENRIQUE CARDOSO GANHOU PROPINAS DE 368 MILHÕES DE DÓLARES LAVADOS NO PANAMÁ NO ESQUEMA MOSSAK FONSECA, O “PANAMÁ PAPERS VIROU ESCÂNDALO MUNDIAL EM 2014 E 2015 MAS FOI MANTIDO ABAFADO PELA MÍDIA GOLPISTA BRASILEIRA ALIADO AO CAPITAL ESTRANGEIRO. FHC TAMBÉM COLOCOU O GENRO CORRUPTO DAVID ZYLBERSZTAJN E O FILHO CORRUPTO PHC COMO REPRESENTANTES (VIA EMPRESA DE FACHADA “DZ ENERGIA” E PROPINAS PAGAS NO PARANÁ VIA BANESTADO) NA COMPRA SUPERFATURADA DE 47 USINAS TÉRMICAS E OBRA DO GASODUTO GASBOL (TENDO O TUCANO PAULO ROBERTO COSTA, NOMEADO POR FHC EM 11/08/1996 NA DIRETORIA DE GÁS, ELE TAMBÉM ATUOU COMO TESTA DE FERRO NAS NEGOCIATAS E MARACUTAIAS DE FHC). OS CONTRATOS FORAM ASSINADOS COM AS EMPRESAS AMERICANAS E EUROPEIAS (SIEMENS, ENRON, EL PASO, NAS OBRAS DO GASBOL, TERMORIO, TERMOBAHIA, ETC) TODAS ESSAS OBRAS SUPERFATURADAS FORAM JUSTIFICADAS PELOS “APAGÕES PLANEJADOS PELO FMI E CONSENSO DE WASHINGTON COLOCADO EM PRÁTICA NAS PRIVATARIAS TUCANAS” AO MUNDO EM 2014 UM PESADO ESQUEMA DE CORRUPÇÃO E LAVAGEM DE DINHEIRO SUJO DESDE A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL

    A REDE GLOBO TIME LIFE criada por dois banqueiros americanos (City Bank e Mahatan Chase atual JP Morgan) pelas propinas do grupo TIME (grupo que elogiou Moro na preparação do golpe para derrubar Dilma em 2016) pela petrolífera ESSO

    SUGIRO QUE APRECIEM O VÍDEO SOBRE O ESCANDALO MOSSAK FONSECA, O PANAMÁ PAPERS E ENTENDAM O CAMINHO E O MAPA DA CORRUPÇÃO NO GOVERNO FHC QUE A LAVA JATO TUCANA ESCONDEU PARA BLINDAR OS FAMILIARES DE FHC E JOSÉ SERRA, SEGUNDO A REVISTA FORBES, O ESQUEMA OCULTOU FORTUNAS DE CENTENAS DE FAMILIARES DE POLÍTICOS ENVOLVIDOS NOS ESCÂNDALOS DAS PRIVATIZAÇÕES FRAUDULENTAS FEITAS NO BRASIL NA ERA FHC, INCLUINDO O CORRUPTO SR PAULO HENRIQUE CARDOSO FILHO DE FHC TEM 368 MILHÕES DE DÓLARES SUANDO EMPRESA DE FACHADA CH J&T E A CONTA TUCANO, O GENRO DE FHC O CORRUPTÍSSIMO LESA PÁTRIA LADRÃO SR DAVID ZYLBERSZTAJN FICOU BILIONÁRIO DOANDO CAMPOS PETROLÍFEROS GOGANTES DA EX ESTATAL PETROBRAS VENDIDOS POR PREÇOS DE HONDA CIVIC ENTRE 1997 E 2002 QUANDO ESSE CORRUPTO ASSUMIU A DIRECÇÃO DA ANP AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO.

    ISTO EXPLICA OS ACORDOS ENTRE OS LAVAJATEIROS COM A DIRETORIA DA ODEBRECHT (80% DO PATRIMÔNIO DA ODEBRECHT E SEUS LUCROS SÃO DA SUBSIDIÁRIA “BRASKEM ODEBRECHT”) PARA “DERRUBAR O SERVIDOR DA TI DA ODEBRECHT UMA SEMANA ANTES DA “INVASÃO ENSAIADA POR SERGIO MORO EM CONLUIO COM DOM EMÍLIO ODEBRECHT” E O ESTRANHO “SUMIÇO DE COMPUTADORES COM OPERAÇÕES FINANCEIRAS DO GRUPO BRASKEM ODEBRECHT”, TAMBÉM AS PROPINAS PAGAS PELA ODEBRECHT DENUNCIADAS PELO ADVOGADO TACLA DURAN FORAM DEVIDAS A ESSA MANOBRA PARA SALVAR O MAIOR PATRIMÔNIO DA FAMÍLIA ODEBRECHT A BRASKEM.

    NUMA MANOBRA SINISTRA, UMA SEMANA ANTES DO JUIZ TUCANO FAZER UMA ENCENAÇÃO PIROTÉCNICA DENTRO DA ODEBRECHT, O SR SERGIO MORO COMBINOU COM OS DIRETORES QUE OS COMPUTADORES E O SERVIDOR DA TI TERIAM QUE SER RETIRADOS PARA OCULTAR UM PATRIMÔNIO DE 700 BILHÕES DE REAIS DA SUBSIDIÁRIA DO GRUPO,. A BRASKEM, E NESSA MESMA ÉPOCA FOI CRIADO UM ESCRITÓRIO DE FACHADA DA BRASKEM ODEBRECHT NA SINGAPURA, A SINISTRA “BRASKEM ODEBRECHT SINGAPORE LTD” E PARA DIRIGIR ESSA FILIAL DO GRUPO FOIU ESCOLHIDO UM GRANDE AMIGO DE PAULO ROBERTO COSTA (TESTA DE FERRO DE FAMILIARES DE FHC) E PAULO HENRIQUE CARDOSO, O CORRUPTO PHC FILHO DO CORRUPTO CROCODILO CAIMÃO FHC, A FAMÍLIA ODEBRECHT GANHOU NA MÃO GRANDE UM PATRIMÔNIO ESTATAL DE 1,3 TRILHÕES DE DÓLARES COM A PRIVATARIA DAS 27 PETROQUÍMICAS DA PETROBRAS QUE PERTENCIAM AO ESTADO BRASILEIRO ELAS FORAM DOADAS POR FHC EM LEILÕES FRAUDULENTOS USANDO EMPRESAS DE FACHADA CRIADAS NO ESQUEMA MOSSAK FONSECA (TRADE CAIMAN LTD, DZ ENERGIA, CH J&T, OPPORTUNITY BANK, ETC DO DANIEL DANTAS E VERÔNICA SERRA, RICARDO SERGIO DE OLIVEIRA, DÁRIO MESSER, MARIN PRECIADO, ALEXANDRE BOURGEOIS, TERRENCE, OLGA YOUSSEF, E FAMILIARES DE JANENE COMO TESTAS DE FERRO)

    A ENCENAÇÃO DA LAVA A JATO DENTRO DA OBRECHT SÓ FOI FEITA APÓS ESSA MANOBRA DE OCULTAR 80% DO PATRIMÔNIO DO CORRUPTO DOM EMÍLIO ODEBRECHT AMIGO PESSOAL DE FHC QUE LEVOU NA MÃO GRANDE AS PETROQUIMICAS DA PETROBRAS DOADAS EM PRIVATARIAS FRAUDULENTAS EM 1995 E 1996 TENDO O SR PHC COMO MAIOR BENEFICIÁRIO NAS PROPINAS PAGAS PELA ODEBRECHT E PELAS MULTINACIONAIS NO ESCANDALO BANESTADO E LAVADOS NO ESQUEMA MOSSAK FONSECA O PANAMÁ PAPERS QUE ESCONDE FORTUNAS BILIONÁRIAS DE FAMILIARES DE FHC E JOSÉ CHIRICO SERRA. SERGIO MORO É UM PRODUTO TOTALMENTE TUCANO, AMIGO DESSES 300 CORRUPTOS DO QUADRILHÃO DO GOLPE, ELE RECEBEU ORDENS DO LIDER DO GOLPE SR EDUARDO CUNHA QUE ORIENTOU MORO EM MUITAS “DELAÇÕES SELETIVAS” PARA ESCONDER CRIMES TUCANOS E ATACAR LULA COM DENÚNCIAS DOS PEDALINHOS COMPRADOS PELA SRA MARISA SILVA E O IM[ÓVEL CORTIÇO DE GUARAUJÁ QUE PERTENCE AO CORRUPTO LEO PINHEIRO DA OAS, ELE AJUDOU SERGIO MORO A MONTAR A FARSA DO TRÍPLEX PARA PARA SE LIVRAR DE CONDENAÇÃO.
    A OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS FOI CUIDADOSAMENTE MONTADA NA ITÁLIA PELAS ELITES ITALIANAS EM CONLUIO COM A CIA PARA DESTRUIR OPOSITORES DE SILVIO BERSLUSCONI, CORRUPTO DONO DA MAIOR EMISSORA ITALIANA ( RAI), ELEGER BERSLUSCONI, DESTRUIR OPOSITORES E DEIXARAM ESCAPAR OS DOIS MAIORES MAIORES MAFIOSOS DA ITÁLIA, TOMÁZIO UBBUSCHETA (FUGIU PARA O BRASIL EM 1990 E FOI FLAGRADO EM PANAQUE COM FERNANDO COLLOR E PC FARIAS (VIDE LIVRO DE PEDRO COLLOR DE MELLO: “PASSANDO A LIMPO A HISTÓRIA DE UM FARSANTE” O O LIVRO “MORCEGO NEGRO” TOMÁZIO MOROU EM MACEIÓ POR 10 ANOS E SÓ FOI EXTRADITADO 10 ANOS DEPOIS DESCOBERTO PELA POLÍCIA INTERPOL QUE INVESTIGOU AS OPERAÇÕES DE REMESSAS ILEGAIS DA ÉPOCA DO CONFISCO DE COLLOR NO BRASIL, O MAFIOSO APARECEU NESSAS OPERAÇÃO DENOMINADA “OPERAÇÃO URUGUAI” QUE PROTEGEU 100 BILHÕES DE DÓLARES DAS ELITES BRASILEIRAS NA VÉSPERA DO COBFISCO DEVIDAMENTE AVISADO POR ZELIA CARDOSO DE MELLO E FERNANDO COLLOR DE MELLO, UMA GANGUE DE 8.600 BRASILEIROS SALVARAM SUAS FORTUNAS DESSE CONFISCO DE MARÇO DE 1990 SÓ OS BRASILEIROS COMUNS FORAM SACRIFICADOS NO CONFISCO.

    A OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS (MANI PULITE) TERMINOU COM A PRISÃO DO JUIZ PIETRO PELA ONU POR CORRUPÇÃO E CRIMES CONTRA OS DIREITOS HUMANOS, UM SALDO TRÁGICO DE 12 SUICÍDIOS, DESTRUIÇÃO DA ECONOMIA ITALIANA, DRÁSTICA REDUÇÃO DO PATRIMÔNIO DA EMPRESA ENI (ENTI NAZIONALE DI IDROCARBURI) A GIGANTE PETROLÍFERA ITALIANA FOI REDUZIDA A 20% DO SEU TAMANHO APÓS A OPERAÇÃO MANI PULITE, VENDA DE SENTENÇAS, MILHARES DE DELAÇÕES PREMIADAS COM PROVAS FALSIFICADAS PARA ATACAR INIMIGOS POLÍTOCOS DA ELITE ITALIANA E DE SILVIO BERSLUSCONI, CORRUPÇÃO E PROPINAS (COMO NA LAVA JATO DENUNCIOU TACLA DURAN A ODEBRECHT PAGOU 400 MILHÕES PARA SALVAR A BRASKEM QUE REPRESENTA 80% DO PATRIMÔNIO DA FAMILIA ODEBRECHT) E TAMBÉM MUITOS MAFIOSOS SOLTOS PELO JUIZ PIETRO ESCAPARAM E FICARAM FORAGIDOS (UM FICOU 10 ANOS FORAGIDO NO BRASIL TOMÁZIO UBBSUCHETA, E O OUTRO O ASSASSINO CARLO MARCELLO BERTONI FUGIU PARA A TAILÂNDIA E CESARE BATISTI PRESO NO BRASIL SOLTO POR EDMAR MENDES EM 2010) E MUITAS PESSOAS MORTAS PRESAS, TORTURADAS E MORTAS COMO OCORREU NO BRASIL NA LAVA A JATO COM O REITOR DA UFSC PRESO COERCITIVAMENTE CHANCELLIER, TORTURADO NÚ POR 29 POLICIAIS A MANDO DE SERGIO MORO, ELE SUICIDOU-SE POUCOS DIAS DEPOIS.

    POBRE BRASIL, VIROU UMA REPÚBLICA DAS BANANAS, UMA MEGA COLÔNIA DO IMPÉRIO ANGLO AMERICANO, UMA REPÚBLICA DOS LENTES COMO DIZIA RUY BARBOSA NA SUA MATÉRIA PUBLICADA EM 1916 NO JORNAL DO BRASIL “SINTO VERGONHA DE MIM” RUY BARBOSA CRITICOU A REPÚBLICA VELHA DECADENTE, O PODER DOS TOGADOS E DOS OLIGOPÓLIOS QUE SE REVEZARAM NO PODER ATÉ SEREM DERRUBADOS EM 1930 POR GETÚLIO VARGAS .

  5. HOJE OS JORNAIS FSP E OUTROS MOSTRARAM UMA REVELAÇÃO BOMBÁSTICA DE MARCELO ODEBRECHT: ELE DECLAROU QUE O CUNHADO ADVOGADO MAURÍCIO FERRO EXTINGUIU O “DEPROP” DEPARTAMENTO DE OPERAÇÕES ESTRUTURADAS DA ODEBRECHT CRIADA NO GOVERNO MILITAR E DEPOIS REESTRUTURADA EM 1988 NA “NEFASTA NOVA REPÚBLICA DA CORRUPÇÃO”

    PASMEM ESSE ESQUEMA “DEPROP” FOI DENUNCIADO HÁ QUASE 30 ANOS PELO JOVEM GOVERNADOR DO ACRE EDMUNDO PINTO E GEROU O PROCESSO DE IMPEACHMENT DE FERNANDO COLLOR E POUCOS DIAS DEPOIS O JOVEM GOVERNADOR EDMUNDO PINTO FOI ASSASSINADO NO HOTEL DELLA VOLPE NA MADRUGADA DE UMA SEGUNDA FEIRA NO DIA 17 DE MAIO DE 1992. O GERENDE GERAL DO HOTEL DELLA VOLPE ERA O SR CELSO RUSSOMANO QUE POUCO TEMPO DEPOIS INGRESSOU NA POLÍTICA, ASSISTAM A ENTREVISTA DO GERENTE DO DELLA VOLPE SR CELSO RUSSOMANO NO PROGRAMA “AQUI AGORA” COM O REPÓRTER JOÃO LEITE NETO LEVADO AO AR NO DIA 18 DE MAIO DE 1992, PASMEM ESSE CRIME MOSTRA O ELO DE LIGAÇÃO ENTRE O QUADRILHÃO DO GOLPE QUE É O MESMO QUADRILHÃO DAS PRIVATARIAS TUCANAS BLINDADOS NO PARANÁ NO ESCANDALO BANESTADO PELO MESMO JUIZ DA LAVA JATO.

    A ODEBRECHT ENSAIOU COM JUÍZ E PROCURADORES DA LAVA JATO, SEMANAS ANTES DA INVASÃO NA CONSTRUTORA, UMA SINISTRA “OPERAÇÃO DE SUMIÇO DOS ARQUIVOS DA SUBSIDIÁRIA PETROQUÍMICA BRASKEM UMA FORTUNA BILIONÁRIA OBTIDA EM 1996 QUANDO FHC DOOU NUMA PRIVATARIA FRAUDULENTA NA BACIA DAS ALMAS AS PETROQUÍMICAS DA PETROBRAS PARA O AMIGO PESSOAL EMÍLIO ODEBRECHT O GRUPO TURCO QATOR “. ESSA OCULTAÇÃO FOI FEITA EM TROCA DE PROPINAS (400 MILHÕES DE REAIS) PAGAS NA CONTA DA SRA ROSÂNGELA WOLF QUADROS MORO, SEGUNDO REVELA O EX ADVOGADO DA CONSTRUTORA TACLA DURAN RESIDENTE NA ESPANHA.

    Essa Operação Lava Jato (farsa a jato) foi planejada pela CIA em 2009 (quando a CIA treinou Moro e outros juízes do Paraguai, aos moldes inquisitórios medievais da operação “Mani Pulite” (mãos limpas também apoiada pela CIA para eleger o dono da emissora italiana Silvio Bersluscone e reduzir o tamanho da empresa petrolífera italiana ENI- Enti Nazionale de Idrocarburi SPA, uma verdadeira “operação de guerra” para impedir que a ENI se expandisse após as descobertas de um campos gigante no Mar Cáspio feita pela ENI, o resultado foi uma enorme desastre econômico na Itália, uma guerra partidária insana, criação de 45 partidos políticos, doze suicídios gerados por torturas, o juiz Pietro deixou escapar o maior mafisoso italiano sr TOMÁZIO UBBUSCHETA (ficou foragido no Brasil por dez anos morou em Maceió e foi fotografado no palanque com Fernando Collor e PC Farias foto mostradas no livro Morcego Negro) o juiz também vendeu sentenças e negociou delações seletivas para condenar sem provas os rivais políticos de Silvio Berluscone. , dono da maior emissora italiana a RAI. Ao final da operação Mani Pulite o juiz Pietro foi preso pelas graves denúncias de abuso de autoridade, desrespeito aos direitos humanos, corrupção pela venda de sentenças e delações forjadas, Pietro cumpriu pena em Genebra indiciado pela ONU Organização das Nações Unidas.

    IMPEACHMENT DE FERNANDO COLLOR TEVE COMO ESTOPIM O ASSASSINATO DO GOVERNADOR DO ACRE EDMUNDO PINTO ASSASSINADO EM SÃO PAULO EM 17/05/1992 (ELE DENUNCIOU A ODEBRECHT E UM QUADRILHÃO DE 300 POLÍTICOS CORRUPTOS DO PMDB/PSDB/PTB (Edmundo denunciou o DEPROP e toda a cúpula do PMDB/PSDB/PTB/PP: Michel Temer PMDB-SP era secretário da segurança e abafou o crime, Geddel, Moreira Franco, Orestes Quércia, Roberto Jeffferson chefe da tropa de choque de Collor, e muitos outros membros do quadrilhão)

    “YOUTUBE: JOSE LEITE NETO: “A ODEBRECHT, O DEPROP E O ASSASSINATO DO JOVEM GOVERNADOR DO ACRE EDMUNDO PINTO”

    https://www.youtube.com/watch?v=PFrEo6wDlVg

    No ensaio feito pelo juiz Sergio Moro na ODEBRECHT poucos dias antes da “invasão pirotêcnica mostrada pela REDE GLOBO” foi ensaiada a DERRUBADA do SERVIDOR DA TI DA ODEBRECHT porque 80% do patrimônio da família ODEBRECHT foi originada na “privataria tucana”, ou seja, Dom Emílio Odebrecht levou na mão grande um patrimônio de 500 bilhões de dólares na privato-doação das petroquímicas da ex estatal Petrobras doadas em maio de 1996 pelo corrupto lesa pátria crocodilo caimão FHC e gerou propinas ao genro de FHC sr David Zylberesztajn e ao corrupto filho Paulo Henrique Cardoso (PHC) com pagamento de propinas milionárias aos familiares de FHC no ESQUEMA BANESTADO no Paraná (esquema de corrupção criado por FHC em 1995 para captar propinas das multinacionais e dos empresários no Brasil em troca das privatarias tucanas, esse esquema foi blindado no Paraná entre 1997 e 2002 pelo juiz tucano Sergio Moro, parente dos fundadores do PSDB no Paraná: Áureo Moro, Hidelbrando Moro, Osvaldo Malucelli Moro e Joel Malucelli, esses dois últimos são banqueiros donos do PARANÁ BANCO, donos do Grupo Malucelli e da BAND NEWS em sociedade com João Saad).
    A SUBSIDIÁRIA BRASKEM ODEBRECHT REPRESENTA OITENTA POR CENTO DO PATRIMÔNIO DO GRUPO OBTIDO EM PRIVATARIA E NOVENTA POR CENTO DOS LUCROS DO GRUPO: LAVA JATO PROTEGEU FORTUNAS DE MUITOS CORRUPTOS EM TROCA DE PROPINAS: CLAÚDIA CUNHA TEVE SUA FORTUNA ILÍCITA PROTEGIA E ABSOLVIDA PELO JUIZ SERGIO MORO, ALBERTO YOUSSEF UM VELHO CONHECIDO DOS TUCANOS NO PARANÁ DESDE 1990 ELE ERA OFFICE BOY DE JANENE E SERGIO GUERRA E AINDA FINANCIOU AS CAMPANHAS TUCANAS DE ÁLVARO DIAS E OSMAR DIAS E DO PREFEITO TUCANO GIANOTO DESVIARAM 500 MILHÕES DE REAIS NO PARANÁ E PARA QUEIMA DE ARQUIVOS O SECRETÁRIO DAS FINANÇAS DE MARINGÁ (SÓCIO DE ALBERTO YOUSSEF SR LUIZ ANTONIO PAOLICCHI FOI ASSASSINADO E SEU COROP FOI DEIXADO NUM PORTA MALAS DE UM CARRO NO CENTRO DE MARINGÁ PARA DESVINCULAR A CORRUPÇÃO TUCANA COM A PRISÃO DO SECRETÁRIO DAS FINANÇAS LUIZ PAOLICCHI.

    O GOLPE DE MESTRE DA LAVA JATO NA ODEBRECHT: SALVAR 500 BILHÕES DE REAIS EM PATRIMÔNIO DA FAMÍLIA ODEBRETCH: O LUCRATIVO GRUPO BRASKEM QUE FOI OBTIDO NA PRIVATARIA DE FHC (FHC PRIVATIZOU TODAS AS SUBSIDIÁRIAS PETROQUÍMICAS DA PETROBRAS: BRASKEM, COPENE, COPESUL, FAFEN, PQU, PETROQUISA, E MUITAS OUTRAS DOADAS NA BACIA DAS ALMAS EM TROCA DE PROPINAS PARA OS FAMILIARES NO ESQUEMA BANESTADO TAMBÉM ABAFADO POR SERGIO MORO NA “TEIA TUCANA DE PROTEÇÃO JUDICIÁRIA” CRIADA POR FHC, GERALDO BRINDEIRO (ENGAVETADOR GERAL DA NAÇÃO NA ERA FHC ELE ARQUIVOU 45 CPIs NO GOVERNO FHC) E TAMBÉM COM AJUDA DO JUIZ JAGUNÇO DO MATO GROSSO SR GILMAR MENDES O MAIS FEROZ ALIADO DE FHC NOS CRIMES TUCANOS FOI CHEFE DO STF NA ERA FHC.

    NA VÉSPERA DA INVASÃO NA ODEBRECHT EM 2015, SERGIO MORO E OS PROCURADORES DA LAVA JATO ORIENTARAM (EM TROCA DE PROPINAS SEGUNDO TACLA DURAN) OS DIRETORES ENSAIARAM UMA MARACUTAIA PARA PROTEGER O MAIOR PATRIMÔNIO DO GRUPO A BRASKEM ODEBRECHT “DERRUBAR O SERVIDOR DA TI DO GRUPO ODEBRECHT” E RETIRAR TODOS OS COMPUTADORES DA PETROQUÍMICA BRASKEM E LEVA-LOS PARA UMA SUBSIDIÁRIA NA SINGAPURA (BRASKEM ODEBRECHT SINGAPORE LTD dirigida desde 2014 pelo sr Joaquim Velosa marido daquela senhora entrevistada na REDE GLOBO sra Venina Velosa).

  6. A OPERAÇÃO “MANI PULITE” (MÃOS LIMPAS) FOI CRIADA EM 1990 COM APOIO DA CIA PARA ATACAR A PETROLÍFEAR ENI- ENTE NAZIONALE DI IDROCARBURI QUE HAVIA DESCOBERTO UM CAMPOS GIGANTE NO MAR CÁSPIO E SUAS AÇÕES FORAM VENDIDAS NA BACIA DAS ALMAS NA BOLSA DE LONDRES E NO NYSE PASSANDO O ESTADO ITALIANO AO “CONTROLE ACIONÁRIO MÍNIMO”. ESSA SINISTRA OPERAÇÃO TEVE COMO MENTOR O CORRUPTO DONO DA TV ITALIANA SILVIO BERLUSCONI QUE CRIOU UMA SINISTRA “REDE DE PROTEÇÃO JUDICIÁRIA” PARA PROTEGER O SEU PARTIDO, ACABOU DEIXANDO ESCAPAR O MAFIOSO DA ITALIA TOMAZIO UBBUSCHETA QUE FUGIU PARA O BRASIL E AQUI PERMANECEU AQUI OITO ANOS SEM SER INCOMODADO, A OPERAÇÃO TERMINOU EM JUNHO DE 1995 COM 12 SUICÍDIOS APÓS SESSÕES DE TORTURAS (COMO NO CASO DO REITOR CLÉRIGO DR CHANCELLIER ELES TAMBÉM FORAM PRESOS INJUSTAMENTE, TORTURADOS COM ALGEMAS E CORRENTES NOS PÉS, ESPANCADOS E HUMILHADOS, AS GRANDES FORTUNAS DE EMPRESÁRIOS ITALIANOS FORAM PROTEGIDAS.
    O JUIZ ANTONIO DI PIETRO FOI PRESO POR ABUSO DE AUTORIDADE (DENÚNCIA FEITA NA ONU EM 1994 POR ABUSO DE AUTORIDADE, CORRUPÇÃO E VENDA DE DELAÇÕES SELETIVAS E SENTENÇAS ABRANDADAS PARA OS MEGA EMPRESÁRIOS, UM “OFFICE ABUSE” QUE JUSTIFICOU A PRISÃO DOS MAGISTRADOS) COMO TAMBÉM OS PROCURADORES ESTRELA DA FARSA ITALIANA, GEROU O CAOS NA ECONOMIA DA ITÁLIA, UMA GUERRA PARTIDÁRIA SEM PRECEDENTES, A ITÁLIA TEM AGORA 45 PARTIDOS UM MANICÔMIO POLITICO JUDICIÁRIO.

    Italy’s ‘Clean Hands’ Judges Bite Their Nails
    By CELESTINE BOHLEN
    Published: June 25, 1995
    FACEBOOK
    TWITTER
    GOOGLE+
    EMAIL
    SHARE
    PRINT
    REPRINTS
    ¶MILAN, Italy, June 19— There was a time when Milan’s prosecuting magistrates were national heroes who could do no wrong. Nicknamed the “clean hands” team, they swept through Italy’s political system in the early 1990’s like a whirlwind, rooting out so many dirty politicians and businessmen that in the end they brought down the system itself.

    ¶ Since those early, heady days, the prosecutors of so-called “Tangentopoli” — or “Bribe City” scandal — have hit periodic obstacles. But until recently, the magistrates proved more adept at protecting their role than politicians have been at controlling them.

    ¶ Now, the tide is turning, and the magistrates here and elsewhere are on the defensive. The star of the “clean hands” team, Antonio Di Pietro, who resigned last December, is now under investigation for abuse of office. And this week, the Italian Senate voted to limit the ability of investigators to hold suspects in prison, a significant defeat for the magistrates who suddenly found themselves abandoned by their traditional allies on the left.

    ¶ The issue of preventive custody — a tool also used by anti-Mafia prosecutors in Sicily — is part of an ongoing debate about Italy’s judicial system, which many have long argued is too heavily weighted on the side of investigators. But the Senate vote this week was also seen as a signal by Italy’s politicians — on the left as well as on the right — that the time has come to curb the power of the prosecutors.

    ¶ “When politicians were strong and the magistrature was weak, then public opinion was on the side of the magistrature because of the desire to be free from the old ruling class,” said Vittorio Feltri, editor of the right-leaning Milan newspaper Il Giornale. “Public opinion saw the situation as a struggle between the weak and the arrogant. Now I think the arrogance and the exagerations of the magistrates have begun to bother public opinion, and there will be an attempt to rebalance the forces in the field.”

    ¶ In recent days, new voices have joined a chorus once led almost exclusively by one of the magistrates’ fiercest critics, former Prime Minister Silvio Berlusconi. President Oscar Luigi Scalfaro, in Sicily last weekend, said the magistrates’ use of preventive custody had become perplexing, and in certain cases, gives a “sense of spectacle rather than justice.” Antonio Bassolino, the leftist mayor of Naples, in a newspaper interview this week, called on prosecutors to let Italy’s new political class get down to work, “to finish well, and honestly, work that began badly, or else we face paralysis.”

    ¶ When people complain of the arrogance of the prosecutors, they refer to long prison detentions, abuse of press leaks, high profile arrests and a selectivity in applying the law that some say smacks of vendettas, perhaps personal, perhaps political. The problem has become particularly acute in the most recent phase of the scandals, which, by focusing on tax evasion and kickbacks to tax inspectors, cuts deep in a society that has long operated on the notion that only fools pay the Government what it says they owe.

    ¶ “Of the 56 million inhabitants of the country, who knows how many would stay out of jail if you were to jail everyone who paid off tax inspectors,” said Mr. Feltri. “If you cut off the right hand of everyone who has paid the Guardia di Finanza, you’d have a country of left handed people.”

    ¶ Like reformers in other countries that have been convulsed by political changes, Italy’s judges also get hit with an historical judgment that paints them as avenging angels with no concern for the destruction they leave in their wake.

    ¶ “The problem is that we have the same level of corruption, but we have destroyed a political class,” said Lucio Caracciolo, editor of Limes, an Italian political review. “The result is loss. We have lost prestige, efficiency, and in some sense an attachment to democracy. Now we need a more rational approach to problems, and we have to admit that Tangentopoli was a bluff.”

    ¶ In the Palace of Justice here, which remains the citadel of the nationwide corruption probe given Milan’s role as Italy’s financial and business center, prosecutors, dismissing arguments that they have overstepped any constitutional line, talk instead about getting on with their job.

    ¶ “I don’t think that it is pleasant for anyone that the continuous emergence of crimes exists,” said Gherardo Colombo, a top member of the prosecuting team. “It would be wonderful if we could say that all the crimes in this area have been discovered, but that hasn’t been the case.”

    ¶ “We feel as though we are crabs,” said Mr. Colombo. “With the passage of time, the more we go forward, the more we move back; the more we discover, the more we have to work.”

    ¶ In the Milan magistrate’s office alone, 3,000 people have been investigated by the team since the first bribery case was brought in February 1992. Of these, Mr. Colombo said half have been charged, and are awaiting initial judgment on whether they will go to trial. Another 900 are awaiting trial, and 600 have actually been brought to court, he said. Of the 300-odd sentences handed down, only one — involving a cemetery inspector from Milan — has resulted in a jail sentence.

    ¶ Most agree that the magistrates’ crusade has had some effect. “For the first time, dirty laundry was washed in the piazza,” said Mr. Feltri. “Before, corruption was habitual, and society was convinced it was normal. Now people are more careful, they are more afraid of getting caught.”

    ¶ But Italy — deadlocked by the political confusion that followed the collapse of the old political system — has still not managed to tackle some of the key sources of corruption. Public administration still functions on a buddy-system, while conflict of interest remains a dimly-understood notion for many Italians, including Mr. Berlusconi who has seen no problem in being both a Prime Minister and owner of a vast business empire — including three television stations.

    ¶ Mr. Berlusconi remains the prosecutors’ most vociferous opponent, and for obvious reasons. In the last month, he has been charged twice — once as head of his giant Fininvest business empire, which is accused of having paid bribes to tax inspectors, and the second time for evading taxes on the purchase of property utside Milan. In a separate case against Publitalia — the advertising arm of Fininvest that stands accused of sponsoring sports events as a way of concealing slush funds, prosecutors put its chief executive in jail for two weeks and for the first time, threatened to put the privately held company under public trusteeship.

    ¶ Mr. Berlusconi’s campaign against the Milan prosecutors — he calls them “judges in red robes,” in an allusion to their alleged leftist bias — has been a running theme in Italy’s recent political drama. But it has also clouded a serious look at the prosecutors’ far-ranging powers, which even Mr. Berlusconi’s critics agree is overdue.

    ¶ Sergio Romano, a respected political commentator, calls the current situation “a constitutional skirmish between branches of government,” in which the magistrates have assumed powers that “hang like a sword of Damocles over the entire political class, continually conditioning their movements.”

    ¶ “They have come to identify themselves with their public mission and in the process, have become prisoners of a self-feeding process,” said Mr. Romano in an interview. “It is a typical police syndrome, which is constantly seeking results.”

    ¶ Mr. Colombo marvels at the resistance he still finds to the idea that corruption is bad. As an example, he cited the recent case of a public official who sought a bribe from the wife of a businessman who was in jail on corruption charges.

    ¶ “We have to measure our success in years because it will take years for the relationship between public administration and business to become correct,” he said. “And that change cannot happen as a result of the magistrature but through a change of the Italian culture. We must begin to believe that it is more convenient for a society to be clean rather than corrupt.”

  7. O JUIZ TUCANO SERGIO MORO VEM AGINDO DESDE 1997 NA “TEIA TUCANA DE PROTEÇÃO JUDICIÁRIA” BLINDANDO OS 300 POLÍTICOS DO QUADRILHÃO DE FHC OBEDIENTES AO DESMONTE NACIONAL E NAS PRIVATARIAS TUCANAS REMUNERADAS POR PROPINAS BILIONÁRIAS NO ESQUEMA BANESTADO (BANCO DO ESTADO DO PARANÁ CAPTOU MEIO TRILHÃO DE REAIS DAS MULTINACIONAIS EM TROCA DAS PRIVATARIAS TUCANAS)

    SERGIO MORO TAMBÉM FOI TREINADO PELA CIA EM 2009 E ORIENTADO PELA PETROLÍFERA SHELL (A ESPOSA DE MORO É ADVOGADA DA SHELL E DOS TUCANOS ENVOLVIDOS EM CORRUPÇÃO) NO PROJETO PONTES JUNTO COM OUTROS JUÍZES DO PARAGUAI PARA GOLPEAR ESSES PAÍSES COM GOLPES PARLAMENTARES E JUDICIÁRIOS

    O PAVÃO DE CURITIBA ATOR DA REDE GLOBO SERGIO MORO PLANEJOU O GOLPE PARLAMENTAR E JUDICIÁRIO SOB ORIENTAÇÃO DA CIA E DAS PETROLÍFERAS PARA ENTREGAR A MAIOR RESERVA PETROLÍFERA DO MUNDO E A MAIS LUCRATIVA E PRODUTIVA DO PLANETA: O PRE-SAL O MAIOR ALVO DESSA OPERAÇÃO, A PERDA DA SOBERANIA NACIONAL. E DE BRINDE OS GRINGOS AINDA LEVARAM NA MÃO GRANDE HUM TRILHÃO DE REAIS EM ISENÇÃO DE IMPOSTOS SOBRE O PETRÓLEO ARRUINANDO O ORÇAMENTO DOS ESTADOS PRODUTORES DE PETRÓLEO: RIO DE JANEIRO, RIO GRANDE DO NORTE E TAMBÉM O RIO GRANDE DO SUL POIS O ESTADO GAUCHO CONCENTRAM OS MAIORES ESTALEIROS E TINHA PROJETOS PARA FAZER TODAS AS OBRAS DO PRESAL.

    SERGIO MORO ALEGA QUE SE ESPELHOU NA OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS (MANI PULITE) QUE TROUXE O CAOS ECONÔMICO PARA A ITÁLIA, DESTRUIU A INDÚSTRIA, DESEMPREGO, AUMENTO DESENFREADO DOS PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS POIS O MAIOR ALVO DA OPERAÇÃO MANI PULITE FOI A PETROLÍFERA ESTATAL ENI- ENTE NAZIONALE DI HIDROCARBURI,. POIS COMO A PETROBRAS ESSA PETROLÍFERA FEZ GRANDES DESCOBERTA DE CAMPOS GIGANTES DE PETRÓLEO NO MAR CÁSPIO EM 1990.

    ENTENDAM A OPERAÇÃO MANI PULITE:

    O desastre político e econômico da Operação Mãos Limpas, por Motta Araújo

    A famosa operação Mãos Limpas, desencadeada em 1992 por Procuradores da Itália é o modelo que fascina colegas pelo mundo afora. A Mãos Limpas prendeu 2.993 pessoas, investigou mais de 6.000, durou 4 anos, o eixo era a delação, um delatava 5, 5 delatavam 10 e o processo gerava uma multiplicação geométrica de réus, delatados pelos réus anteriores.

    A operação investigou 872 empresários, 438 parlamentares e 4 Primeiro Ministros, liquidou com os QUATRO MAIORES partidos políticos do Pais – a Democracia Cristã, o Socialista, o Social Democrata e o Liberal -, deixando livres o partido fascista, Movimento Social Italiano e o Partido República. Provocou vários suicídios, inclusive do presidente da ENI, petroleira estatal que era o centro da economia italiana, Gabriele Caggliari e de um dos maiores empresários da Itália, Raul Gardini. Quase prendem o maior politico italiano do pós guerra , o lendário Giulio Andreotti, nove vezes Primeiro Ministro.


    O eixo central da operação Mãos Limpas foi o “espetáculo de mídia”, de tal ordem que os “donos da força-tarefa” tentaram passar ao mundo a ideia que foram eles que acabaram com a Máfia, quando esse processo é muito anterior e foi executado por outros personagens, os juízes Paolo Borsalino e Giovanni Falcone., 10 anos antes da Mãos Limpas.

    Os resultados políticos ao final da Operação foram DESASTROSOS. A destruição do sistema político criado no pós-guerra, a partir da aliança do movimento político de Alcide de Gasperi com o Vaticano, responsável pela extraordinária e rápida recuperação da economia produtiva italiana, que se tornou a 5ª economia do mundo, abriu um VÁCUO de poder que quase leva ao esfacelamento da República , com o Norte (Lega Lombarda) tentando se separar do Sul, o que não conseguiu por pouco. O vazio de poder causado pela liquidação dos partidos políticos tradicionais abriu espaço para aventureiros fora do sistema político, muito piores que os tradicionais políticos.

    Foi a partir da pista livre de políticos de tradição que surgiu um predador da pior espécie, Silvio Berlusconi, ex-cantor de navio e milionário da TV, que ficou no poder de 1994 a 2011, um finório, depravado e mais corrupto do que os antigos políticos e que só venceu pela falta de adversários, todos eles presos, mortos ou exilados pelas Mãos Limpas.

    Nesse sentido a Mãos Limpas foi um monumental fracasso, o espetáculo de combate à corrupção não acabou com a corrupção, apenas criou uma corrupção nova, com outros personagens mais rapinantes do que os antigos.

    Na economia a Mãos Limpas levou a Itália à crise permanente, que dura até hoje, o outrora pujante e criativo meio empresarial italiano entrou em decadência porque grandes empresários foram aniquilados, o caso Gardini que cometeu suicídio é o mais impressionante, a economia ficou medíocre e sem dinamismo., traumatizada por centenas de empresários presos ou falidos, acabou a “Dolce Vita” dos brilhantes anos 60 e 70, da esfuziante prosperidade da Via Veneto.

    A Itália sempre viveu na realidade de uma certa corrupção política, desde os tempos dos Médici em Florença, no Século XV, nunca foi um país de políticos austeros, bateção de carteira foi inventada em Nápoles, a propina é uma invenção italiana e faz parte de sua cultura, como em certo país tropical, para exorcizá-la criaram a purificação dos cemitérios.

    O problema com as cruzadas moralistas é bem simples, santarrões burros e medíocres muitas vezes custam mais caro ao país do que malandros inteligente e criativos. Na construção das grandes economias há mais barões ladrões do que abades mendicantes. É bom prestar atenção nas lições da História para não trocar seis por menos três.

  8. SEMELHANÇA DA MANI PULITE COM A OPERAÇÃO DE GUERRA “LAVA JATO” PLANEJADA PELA CIA EM 2009

    A OPERAZIONI MANI PULITE E A DESTRUIÇÃO DA ECONOMIA DA ITÁLIA E SEPULTAR CRIMES E LEVAR A CORRUPÇÃO DO PARTIDO DE SILVIO BERSLUSCONI O DONO DA EMISSORA RAI QUE MANIPULA O POVO ITALIANO PARA FAVORECER OS DONOS DO PODER ECONÔMICO NAQUELE PAÍS.

    A OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS NA ITÁLIA (MANI PULITE) TEVE VÁRIOS OBJETIVOS: ELIMINAR INIMIGOS POLÍTICOS DE SILVIO BERLUSCONI DONO DA EMISSORA RAI (EMISSORA CORRUPTA SIMILAR REDE GLOBO), PRENDER, TORTURAR E HUMILHAR DESTRUIR O MAIOR RIVAL DE BERLUSCONI: PRENDER OU MATAR O ILUSTRE ESTADISTA DE ESQUERDA GIULIO ANDREOTTI QUE GOVERNAVA PARA O POVO COM JUSTIÇA SOCIAL (ELE FOI NOVE VEZES ELEITO NA ITÁLIA, QUATRO COMO DEPUTADO, DUAS PARA O SENADO E TRÊS VEZES COMO CHEFE DA NAÇÃO, E OUTROS OBJETIVOS FORAM ATACAR A PETROLÍFERA “ENI-ENTE NAZIONALI DI IDROCARBURI” A MANDO DA CIA E DO SERVIÇO SECRETO DA INGLATERRA POIS A ENI ESTAVA CRESCENDO MUITO E DESTACAVA-SE APÓS A DESCOBERTA DE CAMPOS GIGANTES NO MAR CÁSPIO EM 1990) E O PRINCIPAL OBJETIVO DA MANI PUITE ERA SEPULTAR A CPI DA INVESTIGAÇÃO DO ASSASSINATO DO PAPA JOÃO PAULO I (MORTO EM AGOSTO DE 1978 APÓS GOVERNAR APENAS 29 DIAS ELE DESCOBRIU CORRUPÇÃO E APLICAÇÕES ILÍCITAS NOS BANCOS DA IGREJA CATÓLICA: BANCO DO VATICANO E BANCO AMBROSIANO) E COLOCAR UM FIM NESSAS INVESTIGAÇÕES DAS OPERAÇÕES ILÍCITAS DO BANCO DO VATICANO E BANCO AMBROSIANO EM NEGÓCIOS DA INDÚSTRIA DE ARMAS (BERETTA) E OUTROS NEGÓCIOS ILÍCITOS DA INDÚSTRIA BÉLICA COM FABRICANTES AMERICANOS EM YALE, “BELL HELICOPTERS”, “PRESCOLT MILITARY INDUSTRIES” E OUTRAS FÁBRICAS DE ARAMAS DURANTE TODO O PERÍODO DA GUERRA DO VIETNAME, LAOS E CAMBODJA). AS INDÚSTRIAS DE ARMAS NO EUA TINHAM COMO GRANDES APLICADORES OS BANQUEIROS AMERICANOS E NA ITÁLIA DESDE OS TEMPOS DE MUSSOLINI UM ACORDO DE GUERRA ENTRE O DULCE E O PAPA RUSSO GARANTIRAM AS APLICAÇÕES DO BANCO AMBROSIANO E BANCO DO VATICANO.

    “SOBRE ASSASSINATO, ASSASSINATO SERÁ COMETIDO DIZIA O MAFIOSO DIRETOR DO BANCO AMBROSIANO APÓS A MORTE DO PAPA JOÃO PAULO I, SUPOSTAMENTE MORTO POR TER ABERTO A INVESTIGAÇÃO”

    O DELEGADO GIUSSSEPE DA POLÍCIA DE ROMA INICIOU A INVESTIGAÇÃO DA MORTE DO PAPA, JOÃO PAULO I TERIA SIDO ENVENENADO E ASFIXIADO POR UM CARDEAL ITALIANO QUE ERA RESPONSÁVEL PELOS ASSUNTOS FINANCEIROS DO VATICANO: DOM VILOTTI FOI PRESO MAS SOLTO EM SEGUIDA POR FALTA DE PROVAS E O DELEGADO FOI EM SEGUIDA ASSASSINADO. O DIRETOR PRESIDENTE DO BANCO AMBROSIANO SUPOSTAMENTE COMETEU SUICÍDIO EM ROMA, E A SECRETÁRIA DELE JOGOU-SE (OU FOI JOGADA) DO PRÉDIO DO BANCO AMBROSIANO EM LONDRES. OUTRAS 22 PESSOAS FORAM ASSASSINADAS NAS INVESTIGAÇÕES EM 1980, E O PROCESSO SEGUIU SEM RUMOS ATÉ 1989 QUANDO UM MAFIOSO TOMÁZIO UBBUSCHETA FOI PRESO POR TER PARTICIPADO DAS OPERAÕES DE LAVAGEM DA CORRUPÇÃO PARA DEPUTADOS ENVOLVIDOS NO CASO DO BANCO AMBOSIANO E BANCO DO VATICANO.

    O JUIZ ANTONIO DI PIETRO FOI DESIGNADO PARA CHEFIAR AS INVESTIGAÇÕES E OS PROCESSOS DO CASO AMBROSIANO E A LAVAGEM DE DINHEIRO DA CORRUPÇÃO QUE ENVOLVEU 500 POLÍTICOS, MEMBROS DA IGREJA NO VATICANO E EMPRESÁRIOS ITALIANOS, AMERICANOS E INGLESES NA FILIAL DO AMBROSIANO EM LONDRES.

    O JUIZ ANTONIO DI PIETRO COMETEU MILHARES DE ABUSOS,VENDEU SENTENÇAS, COBROU PROPINAS PARA ALIVIAR POLÍTICOS CORRUPTOS, ORIENTOU MILHARES DE DELAÇÕES SELETIVAS, E PARA MATAR O CARRAPATO ELE MATOU A VACA!!!, DESTRUIU A ECONOMIA DA ITÁLIA, TORTUROU E LEVOU AO SUICÍDIO 22 PRESOS POLÍTICOS (ELE COLOCOU ALGEMAS E CORRENTES NOS PÉS UMA MARCA REGISTRADA DA OPERAZIONI MANI PULITE FOI COPIADA POR SERGIO MORO QUE FEZ O MESMO COM O CABRAL E O REITOR DA UFSC DR CHANCELIER ANTES DE SER TORTURADO E ESPANCADO NÚ POR 29 POLICIAIS), PIETRO BLINDOU 500 POLÍTICOS DO QUADRILHÃO DE SILVIO BERLUSCONI, SOLTOU MAFIOSOS E O MAIOR GANGSTER DA ITALIA TOMAZIO UBBUSCHETA QUE FUGIU PARA O BRASIL E AQUI PERMANECEU POR 8 ANOS E VIVEU EM MACIEÓ SEM SER INCOMODADO ELE APARECEU EM PALANQUES AO LADO DE PC FARIAS E FERNANDO COLLOR DE MELLO.
    O JUIZ ANTONIO DI PIETRO FOI DENUNCIADO NA ONU EM BRUXELAS POR ABUSO DE AUTORIDADE (OFFICE ABUSE) E PRESO AO FINAL DA OPERAÇÃO JUNTO COM OUTROS PROCURADORES E CONDENADOS A SEIS ANOS DE PRISÃO E INDENIZAÇÃO A VÍTIMAS E TEVE QUE PEDIR DESCULPAS AO POPULAR

    COM A MORTE DO PAPA PAULO VI EM 1978 O PAPA SUCESSOR ABRIU INVESTIGAÇÃO CRIMINAL NO VATICANO E NA POLÍCIA ITALIANA PARA APURAR AS DENÚNCIAS FEITAS PELAS ASSOCIAÇÕES DE INVESTIGAÇÃO DE PODER ECONÔMICO NA ITÁLIA E DE LIGAÇÃO DE CENTENAS DE POLÍTICOS ITALIANOS ENVOLVIDOS COM A INDÚSTRIA DE ARMAS, COM O TERRORISMO INTERNACIONAL (BRIGADE ROSSE) E ESSES CRIMES DE APLICAÇÕES ILICITAS DA IGREJA CATÓLICA NOS BANCOS AMBROSIANO E BANCO DO VATICANO E OUTRAS DENÚNCIAS QUE LEVARAM AO ASSASSINATO DO PRIMEIRO MINISTRO ITALIANO EM 1978 ALDO MORO. O PRIMEIRO MINISTRO ALDO MORO FOI SEQUESTRADO E ASSASSINADO 55 DIAS EM CATIVEIRO, E SEU CORPO METRALHADO APARECEU NUM PORTA MALAS DE UM CARRO NO CENTRO DE MILÃO. UM CRIME MUITO PARECIDO OCORREU NO PARANÁ EM MARINGÁ O ASSASSINATO DO SECRETÁRIO DAS FINANÇAS LUIZ ANTONIO PAOLICCHI, ELE E ALBERTO YOUSSEF SE ENVOLVERAM NO DESVIO DE 500 MILHÕES DE REAIS NO ESTADO DO PARANÁ PARA FINANCIAR AS CAMPANHAS TUCANAS DE ÁLVARO DIAS E O IRMÃO OSMAR DIAS QUE TÊM COMO SUPLENTES OS BANQUEIROS DONOS DO PARANÁ BANCO PARENTES DE SERGIO MORO, OSVALDO MALUCELLI MORO E JOELA MALUCELLI.

    O JUIZ TUCANO SERGIO MORO VEM AGINDO DESDE 1997 NA “TEIA TUCANA DE PROTEÇÃO JUDICIÁRIA” BLINDANDO OS 300 POLÍTICOS DO QUADRILHÃO DE FHC OBEDIENTES AO DESMONTE NACIONAL E NAS PRIVATARIAS TUCANAS REMUNERADAS POR PROPINAS BILIONÁRIAS NO ESQUEMA BANESTADO (BANCO DO ESTADO DO PARANÁ CAPTOU MEIO TRILHÃO DE REAIS DAS MULTINACIONAIS EM TROCA DAS PRIVATARIAS TUCANAS)

    SERGIO MORO TAMBÉM FOI TREINADO PELA CIA EM 2009 E ORIENTADO PELA PETROLÍFERA SHELL (A ESPOSA DE MORO É ADVOGADA DA SHELL E DOS TUCANOS ENVOLVIDOS EM CORRUPÇÃO) NO PROJETO PONTES JUNTO COM OUTROS JUÍZES DO PARAGUAI PARA GOLPEAR ESSES PAÍSES COM GOLPES PARLAMENTARES E JUDICIÁRIOS

    O PAVÃO DE CURITIBA ATOR DA REDE GLOBO SERGIO MORO PLANEJOU O GOLPE PARLAMENTAR E JUDICIÁRIO SOB ORIENTAÇÃO DA CIA E DAS PETROLÍFERAS PARA ENTREGAR A MAIOR RESERVA PETROLÍFERA DO MUNDO E A MAIS LUCRATIVA E PRODUTIVA DO PLANETA: O PRE-SAL O MAIOR ALVO DESSA OPERAÇÃO, A PERDA DA SOBERANIA NACIONAL. E DE BRINDE OS GRINGOS AINDA LEVARAM NA MÃO GRANDE HUM TRILHÃO DE REAIS EM ISENÇÃO DE IMPOSTOS SOBRE O PETRÓLEO ARRUINANDO O ORÇAMENTO DOS ESTADOS PRODUTORES DE PETRÓLEO: RIO DE JANEIRO, RIO GRANDE DO NORTE E TAMBÉM O RIO GRANDE DO SUL POIS O ESTADO GAUCHO CONCENTRAM OS MAIORES ESTALEIROS E TINHA PROJETOS PARA FAZER TODAS AS OBRAS DO PRESAL.

    SERGIO MORO ALEGA QUE SE ESPELHOU NA OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS (MANI PULITE) QUE TROUXE O CAOS ECONÔMICO PARA A ITÁLIA, DESTRUIU A INDÚSTRIA, DESEMPREGO, AUMENTO DESENFREADO DOS PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS POIS O MAIOR ALVO DA OPERAÇÃO MANI PULITE FOI A PETROLÍFERA ESTATAL ENI- ENTE NAZIONALE DI HIDROCARBURI,. POIS COMO A PETROBRAS ESSA PETROLÍFERA FEZ GRANDES DESCOBERTA DE CAMPOS GIGANTES DE PETRÓLEO NO MAR CÁSPIO EM 1990.

    ENTENDAM A OPERAÇÃO MANI PULITE:

    O desastre político e econômico da Operação Mãos Limpas, por Motta Araújo

    A famosa operação Mãos Limpas, desencadeada em 1992 por Procuradores da Itália é o modelo que fascina colegas pelo mundo afora. A Mãos Limpas prendeu 2.993 pessoas, investigou mais de 6.000, durou 4 anos, o eixo era a delação, um delatava 5, 5 delatavam 10 e o processo gerava uma multiplicação geométrica de réus, delatados pelos réus anteriores.

    A operação investigou 872 empresários, 438 parlamentares e 4 Primeiro Ministros, liquidou com os QUATRO MAIORES partidos políticos do Pais – a Democracia Cristã, o Socialista, o Social Democrata e o Liberal -, deixando livres o partido fascista, Movimento Social Italiano e o Partido República. Provocou vários suicídios, inclusive do presidente da ENI, petroleira estatal que era o centro da economia italiana, Gabriele Caggliari e de um dos maiores empresários da Itália, Raul Gardini. Quase prendem o maior politico italiano do pós guerra , o lendário Giulio Andreotti, nove vezes Primeiro Ministro.


    O eixo central da operação Mãos Limpas foi o “espetáculo de mídia”, de tal ordem que os “donos da força-tarefa” tentaram passar ao mundo a ideia que foram eles que acabaram com a Máfia, quando esse processo é muito anterior e foi executado por outros personagens, os juízes Paolo Borsalino e Giovanni Falcone., 10 anos antes da Mãos Limpas.

    Os resultados políticos ao final da Operação foram DESASTROSOS. A destruição do sistema político criado no pós-guerra, a partir da aliança do movimento político de Alcide de Gasperi com o Vaticano, responsável pela extraordinária e rápida recuperação da economia produtiva italiana, que se tornou a 5ª economia do mundo, abriu um VÁCUO de poder que quase leva ao esfacelamento da República , com o Norte (Lega Lombarda) tentando se separar do Sul, o que não conseguiu por pouco. O vazio de poder causado pela liquidação dos partidos políticos tradicionais abriu espaço para aventureiros fora do sistema político, muito piores que os tradicionais políticos.

    Foi a partir da pista livre de políticos de tradição que surgiu um predador da pior espécie, Silvio Berlusconi, ex-cantor de navio e milionário da TV, que ficou no poder de 1994 a 2011, um finório, depravado e mais corrupto do que os antigos políticos e que só venceu pela falta de adversários, todos eles presos, mortos ou exilados pelas Mãos Limpas.

    Nesse sentido a Mãos Limpas foi um monumental fracasso, o espetáculo de combate à corrupção não acabou com a corrupção, apenas criou uma corrupção nova, com outros personagens mais rapinantes do que os antigos.

    Na economia a Mãos Limpas levou a Itália à crise permanente, que dura até hoje, o outrora pujante e criativo meio empresarial italiano entrou em decadência porque grandes empresários foram aniquilados, o caso Gardini que cometeu suicídio é o mais impressionante, a economia ficou medíocre e sem dinamismo., traumatizada por centenas de empresários presos ou falidos, acabou a “Dolce Vita” dos brilhantes anos 60 e 70, da esfuziante prosperidade da Via Veneto.

    A Itália sempre viveu na realidade de uma certa corrupção política, desde os tempos dos Médici em Florença, no Século XV, nunca foi um país de políticos austeros, bateção de carteira foi inventada em Nápoles, a propina é uma invenção italiana e faz parte de sua cultura, como em certo país tropical, para exorcizá-la criaram a purificação dos cemitérios.

    O problema com as cruzadas moralistas é bem simples, santarrões burros e medíocres muitas vezes custam mais caro ao país do que malandros inteligente e criativos. Na construção das grandes economias há mais barões ladrões do que abades mendicantes. É bom prestar atenção nas lições da História para não trocar seis por menos três.

  9. VOCÊS CONHECEM ESSA ESTRANHA FIGURA DO AGENTE DA CIA, O JUIZ PAVÃO DE CURITIBA SERGIO MORO? NÃO? SERÁ BOM SABER QUE ELE É FILHO, CUNHADO E SOBRINHO DOS DONATÁRIOS DO PODER E FUNDADORES DO PSDB NO PARANÁ SR ÁUREO MORO (PAI), HIDELBRANDO MORO, SR OSVALDO MALUCELLI MORO E SR JOEL MALUCELLI, TODOS TUCANOS MUITO CORRUPTOS ENVOLVIDOS EM ROUBOS DE VERBAS PÚBLICAS NO PARANÁ (NA GESTÃO DO GOVERNADOR JAIME LERNER) COM OS IRMÃOS METRALHA TUCANOS ÁLVARO DIAS E OSMAR DIAS (ELES FORAM FINANCIADOS PELO DOLEIRO ALBERTO YOUSSEF E USARAM O AVIÃO DE YOUSSEF NA CAMPANHAS TUCANAS VIDE VASTA BIBLIOGRAFIA NA INTERNET) E NOS DESVIOS DE 500 MILHÕES DE REAIS DA PREFEITURA DE MARINGÁ NA GESTÃO DO PREFEITO GIANOTO (AMIGO PESSOAL DE SERGIO MORO E TAMBÉM MORO FOI TESTEMUNHA NO CASO PARA AJUDAR GIANOTO).

    O PRINCIPAL ENVOLVIDO NO CASO DOS DESVIOS DE MEIO BILHÃO DE REAIS PARA CAMPANHAS TUCANAS (500 MILHÕES DE REAIS) NA PREFEITURA DE MARINGÁ FOI O SECRETÁRIO DAS FINANÇAS DE GIANOTO SR LUIZ ANTONIO PAOLICCHI. APÓS MORO TESTEMUNHAR A FAVOR DO AMIGO TUCANO PREFEITO GIANOTO O SR LUIZ ANTONIO PAOLICCHI SECRETÁRIO DAS FINANÇAS DO PARANÁ FOI METRALHADO E SEU CORPO FOI DEIXADO NUM PORTA MALA DE UM CARRO NO CENTRO DE MARINGÁ. CENAS DE GANGSTERISMO MARCARAM A GESTÃO TUCANA NO PARANÁ (ESQUEMA BANESTADO: ASSAINADOS LUIZ ANTONIO PAOLICCHI E OS DOIS AUDITORES DA SHELL ZERA TODD STAHELI E MICHELE STAHELI MORTOS PARA QUEIMA DE ARQUIVOS PARA A MAIOR PAGADORA DE PROPINAS NO BANESTADO. A SRA ROSANGELA MORO É ADVOGADA DOS TUCANOS E DA SHELL DESDE O CASO BANESTADO) E EM MINAS GERAIS (ESQUEMA MENSALÃO TUCANO: FORAM MORTAS AS DUAS LARANJAS DO MENSALÃO: SRA CRISTIANE APARECIDA E SRA MIRTES ASSASSINADAS BRUTALMENTE EM 2002 NO APAGAR DAS LUZES DO GOVERNO FHC PARA QUEIMA DE ARQUIVOS TUCANOS, COUBE AO JUIZ TUCANO JOAQUIM BARBOSA ARQUIVAR O CASO EM MINAS GERAIS)

    SERGIO MORO FOI NOMEADO POR UM COLEGIADO MESMO TENDO SIDO REPROVADO 4 VEZES NA PROVA DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL (OAB)

    SERGIO MORO FOI TREINADO PELA CIA EM 2009 (PROJETO PONTES) PARA GOLPEAR O BRASIL JUNTO COM OUTROS JUIZES DO PARAGUAI E DE HONDURAS PARA TAMBÉM GOLPEAR ESSES PAÍSES.

    SERGIO MORO ATUOU NA “TEIA TUCANA DE PROTEÇÃO JUDICIÁRIA” NO CASO BANESTADO ELE SOLTOU OS 70 DOLEIROS PRESOS NA OPERAÇÃO MACUCO EM 1997, 1999 E 2002 E BLINDOU O QUADRILHÃO DE FHC E TEMER OS 300 POLÍTICOS QUE RECEBERAM PROPINAS BILIONÁRIAS DAS MULTINACIONAIS PARA ENTREGAR 137 EMPRESAS NACIONAIS NAS PRIVATARIAS TUCANAS.

    SERGIO MORO ATUOU NOS CASOS GARIBALDI, IRMÃOS PALERMO (CRISTIANO PALERMO E SOLON PALERMO) PRESOS POR PESADA CORRUPÇÃO E DESVIOS DE DINHEIRO PÚBLICO PARA CAMPANHAS TUCANAS.

    Conheçam o sr Sergio Moro – Nádia Cristina Tremés.

    1 – Nascido em em Ponta Grossa, em 1° de agosto de 1972, é filho de professor de Geografia da Universidade de Estadual de Maringá, Dalton Áureo Moro, morto em 2005, um dos fundadores do PSDB do Paraná, conhecidíssimo por suas ideias ultra-direitistas e por espinafrar qualquer um que tivesse ideologia de esquerda;

    2 – Graduado em Direito pela UEM – Universidade Estadual de Maringá, em 1995, obteve posteriormente os títulos de mestre e doutor em direito pela Universidade Federal do Paraná. Através de seu orientador, Marçal Justen Filho, tentou ser professor da UFPR, mas queria ludibriar o regime de TIDE (tempo integral e dedicação exclusiva) da Universidade, mantendo o emprego na Magistratura e na UFPR ao mesmo tempo, e perdeu. Especializou-se em crimes financeiros e tornou-se juiz federal em 1996, ou seja, três anos apenas depois de se graduar (o que deve ser um recorde), e atua, até hoje, sem a carteira de advogado, pois nunca fez o exame da OAB;

    3 – Cursou o ‘Program of Instruction for Lawyers’ na ‘Harvard Law School’ e participou de programas de estudos sobre lavagem de dinheiro no ‘International Visitors Program’, promovido pelo Departamento de Estado Americano;

    4 – Seu primeiro serviço foi no escritório do advogado tributarista Dr. Irivaldo Joaquim de Souza, que foi advogado de Jairo Gianoto, ex-prefeito de Maringá pelo PSDB, entre 1997 a 2000, que foi condenado e preso por gestão fraudulenta – a quem Moro serviu como testemunha de defesa, já como juiz de primeira instância;

    5 – Tem como esposa a Dra. Rosângela Wolff de Quadros Moro, uma advogada cujo escritório trabalha para o governo tucano do Paraná de Beto Richa, e assessora a megacorporação SHELL, uma das principais multinacionais imperialistas na área de petróleo. Recentemente, a esposa de Sergio Moro foi flagrada participando de desvios das verbas da APAE, num ‘deja vü’ de Rosane Collor, ‘ex-posa’ do ex-presidente Fernando Collor, que também participava de desvios de dinheiro dá instituição que cuida de pessoas deficientes;

    6 – É maçom e vive pregando emigrejas evangélicas, junto com outro juiz, pastor e notório anti-petista, anti-Brasil e baba-ovo dos EUA, formado por Harvard, o procurador ‘Deltan POWERPOINT Dallagnol’, que não tem provas mas muitas convicções, que a Lava-Jato tem auxílio de ‘Deus’;

    7 – Em 2003, Moro julgou o escândalo do BANESTADO, que envolveu remessas ilegais de mais US$ 124 bilhões (R$ 520 BILHÕES) ilegalmente, para os EUA, no final da década de 90 – para se ter uma ideia, o montante estimado que foi desviado na PETROBRAS é de cerca de US$ 20 BILHÔES). Neste caso, onde só foram para cadeia alguns laranjas e doleiros sem nenhuma importância, o juiz contou com a ajuda do doleiro ALBERTO YOUSSEFF, natural de Londrina-PR, e ignorou solenemente suas delações contra JAIME LERNER e ÁLVARO DIAS, membros do alto tucanato do Paraná, que tiveram suas campanhas amplamente financiadas pelo doleiro, além de utilizar várias vezes o seu jatinho particular;

    8 – Em 2010/12, Moro foi assessor da Ministra ROSA WEBER (coincidentemente, prima da esposa do candidato AÉCIO NEVES, e cujo filho, DEMÉTRIO WEBER, trabalha na REDE GLOBO – de quem o ‘juizmoro’ recebeu premiação e foi projetado nacionalmente como o caçador de ‘corruPTos’), no julgamento televisivo do Mensalão do PT, a famigerada AP-470, quando promulgou o famoso e famigerado voto: “Não tenho provas contra você, Zé Dirceu, mas vou condená-lo mesmo assim, porque assim permite a literatura jurídica”;

    9 – Em 2014, através de escutas plantadas nas empresas do José Janene (PP) um dos cabeças do caso do ‘Mensalão’, a PF chega ao doleiro Carlos Habib Chater, que tinha como base de atuação o Posto da Torre, em BRASÍLIA (daí o nome de ‘Operação LAVA-JATO’). Nesse momento surge em cena novamente a figura do Doleiro ALBERTO YOUSSEFF (codnomes: ‘Primo’ e ‘Beto’), captado em escutas telefônicas. Yousseff, então, é preso e concorda em fazer delação premiada novamente, e o ‘juizmoro’ dá início, em CUritiba, à Operação LAVA-JATO, que tem por escopo investigar as denúncias de desvios na PETROBRAS (que tem sede no Rio de janeiro), e torna notório o bordão “NÃO VEM AO CASO”, emitido pelo juiz todas as vezes que as delações incriminam ou lançam suspeitas sobre TUCANOS, ou qualquer um que não pertença ao PT;

    10 – Após 3 anos de Operação Lava-Jato e suas intermináveis fases, e idas e vindas, sob o comando do ‘juizmoro’ – que, notadamente, recebe salário muito acima do teto constitucional, e que viaja com frequência aos EUA para trocar ‘informações’ com os órgãos de controle daquele país que GRAMPEARAM a PETROBRAS e a PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL durante anos, o resultado é estarrecedor:

    10.1 – ALBERTO YOSSEFF, doleiro corrupto e bandido contumaz, que deveria estar preso mas, apesar de reincidente, recebeu todas as benesses de uma nova delação premiada, manteve boa parte de seu grande e patrimônio ilícito e responde em liberdade por seus crimes, tendo se tornado uma espécie de DELATOR PESSOAL do ‘juizmoro’;

    10.2 – Quase todas as grandes empreiteiras nacionais estão com seus diretores e presidentes presos preventivamente há pelo menos um ano. Centenas de obras foram paralisadas e milhões de trabalhadores foram lançados ao desemprego, jogando o país numa crise sem precedentes, cujas causas são muito mais políticas e internas do que econômicas e externas A referida “Operação” foi criada com o objetivo único de culpabilizar e criminalizar o PT e as políticas sociais que fizeram o BRASIL e o Presidente LULA respeitados em âmbito internacional – levou o país de 14a a 5a. economia do mundo, numa situação de pleno emprego, em pouco mais de 10 anos de governos progressistas;

    10.3 – A cadeia produtiva da PETROBRAS, que respondia por 13% do PIB nacional, até 2014, foi quebrada e a empresa corre sérios riscos de ser fatiada e privatizada, assim como o Pré-sal – que ela descobriu com tecnologia própria -, e muitos de seus valiosos ativos estão sendo leiloados a preço de banana pelo novo presidente da Petrobras, Pedro Parente, que já foi Ministro de ‘FDP, digo, FHC’ nos tempos da PRIVATARIA TUCANA;

    10.4 – A indústria naval e a indústria aeroespacial foram destruídas, bem como foi destruído o Projeto Nuclear Brasileiro, com a prisão irresponsável e injustificável do Almirante Othon Luiz Pinheiro da Silva, responsável pelo desenvolvimento de método revolucionário de beneficiamento de urânio, no qual os EUA tem grande interesse;

    10.5 – Os políticos mais delatados, até agora, na Lava-Jato do ‘juizmoro’ são, notoriamente, membros do PSDB, PMDB e PP, que são inúmeros e permanecem intocados. Esta malta de delatados que ‘não vem ao caso’, por sua vez, uniram-se num conluio macabro para derrubar a Presidente eleita através de um GOLPE DE ESTADO farsesco e circense absurdo, e tomar o Poder no País, e há graves suspeitas de que assassinaram o Ministro TEORI ZAVASCKI, que já havia anunciado que levaria a julgamento TODOS os envolvidos no esquema de desvio investigado pela LAVA-JATO, que hoje querem abafar;

    10.6 – Só quem foi para a cadeia até o momento foram o costas largas ZÉ DIRCEU (novamente sem provas e acusado dos mesmos crimes pelos quais foi absurdamente condenado sem provas na AP-470) e João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do PT, mesmo tendo apresentado toda a contabilidade das doações recebidas pelo partido nas campanhas de 2010 e 2014.

  10. O EX ADVOGADO DA ODEBRECHT RODRIGO TACLA DURAN DENUNCIOU A TODOS OS JORNAIS NA ESPANHA SOBRE AS PROPINAS EXIGIDAS POR SERGIO MORO PARA ABRANDAR SENTENÇAS E NEGOCIAR DELAÇÕES NA OPERAÇÃO LAVA JATO: O AMIGO PESSOAL DE SERGIO MORO CARLOS ZUCOLOTO E DONO DO ESCRITÓRIO DE ADVOCACIA TRIBUTÁRIA INTERMEDIOU COM A ODEBRECHT O PAGAMENTO DE PROPINAS 400 MILHÕES DE REAIS EM CONTA DE ROSÂNGELA QUADROS MORO: PROPINAS SALVARAM O MAIOR PATRIMÔNIO DA ODEBRECHT A SUPERLUCRATIVA INDÚSTRIA PETROQUIMICA.
    AS PRIVATARIAS DAS PETRQUÍMICAS DA EX ESTATAL PETROBRAS: NEGÓCIOS ALTAMENTE LUCRATIVOS

    EM 1996 FHC E O CORRUPTO GENRO DOARAM NA BACIA DAS ALMAS (EM TROCA DE PROPINAS PARA O GENRO E O FILHO DE FHC) ENTREGUES POR MENOS QUE 0,2% DO VALOR PATRIMONIAL PARA O AMIGO PESSOAL DE FHC O CORRUPTO SR EMÍLIO ODEBRECHT E AO GRUPO TURCO QATOR: BRASKEM, COPENE, COPESUL, PQU, FAFEN, PETROQUISA, ETC)

    https://odia.ig.com.br/brasil/2017-12-17/tacla-duran-denuncia-fraudes-e-extorsao-em-delacao-premiada-e-atinge-moro.html

  11. A ÍNDIA FOI O PAÍS MAIS MASSACRADO PELA COROA BRITÂNICA E PELA CIA VISANDO OBTER A MÃO DE OBRA ESCRAVA FARTA E BARATA

    NO MÉXICO A CIA MATOU O CANDIDATO PRESIDENCIAL NACIONALISTA LUIS DONALDO (ELE DEFENDEU AS RIQUEZAS NATURAIS MINERAIS PARA EXPULSAR A BHP SAMARCO QUE CAUSOU GRANDES DESASTRES AMBIENTAIS PARA CONTRABANDEAR O TITÂNIO E O PETRÓLEO DO GOLFO DO MÉXICO: BHP BILLITON: PLATAFORMAS DE PETROLEO CAUSARAM DESASTRES) E FOI MORTO A TIROS NA CAPITAL DO MÉXICO NO BAIRRO LA REFORMA EM 23 DE MARÇO DE 1994 NA VÉSPERA DAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS DE 1994 PARA COLOCAR NO PODER UM CORRUPTO LESA PÁTRIA SIGNATÁRIO DO CONSENSO DE WASHINGTON ( ASSINADO EM MARÇO DE 1993 PELOS LESA PÁTRIAS PELOS CORRUPTOS ENTREGUISTAS COAPTADOS PEAL CIA, OS MAIORES VIRA LATAS DA AMÉRICA LATINA SR FHC, SALINAS, MIGUEL DELLA MADRID E CARLOS MENEN)

    A CIA e o serviço secreto da Inglaterra usaram juízes corruptos de Kachemira prenderam o líder democrático da Índia Gandhy, recolheram seus passaportes, algemaram colocaram correntes, humilharam e depois a CIA e o serviço secreto inglês (vide livro: “Who Kelled Indira Gandhy) pagaram um terrorista para matar a tiros o líder indiano numa manifestação pública. Trinta anos depois o mesmo serviço secreto inglês e a CIA mataram a filha de Gandhy Indira Gandhy com um tiro na cabeça e em seguida mataram o neto de Gandhy Hajid Gandhy também com tiros na cabeça.
    A primeira ministra Indira Gandhy foi assassinada em 1985 logo após anunciar um plano para formação de uma liga de países emergentes a liga dos “PAÍSES NÃO ALINHADOS AO IMPÉRIO ANGLO AMERICANO” similar aos BRICs que uniria Índia, Rússia, Brasil, México, Argentina, África do Sul, Congo e Chile.
    É bom lembrar que a África do Sul, na mesma época da morte de Gandhy, o país foi alvo de uma ditadura judiciária anglo-nazista liderada pelo juiz BOTHA ditador treinado pela CIA e Serviço Secreto Inglês, criou uma sanguinária DITADURA JUDICIÁRIA denominada APARTHEID que determinou uma feroz perseguição política e racial à maioria pobre, o regime matou durou mais de 40 anos, mais de hum milhão de pessoas após o massacre de Soweto e a condenação e prisão e torturas sofridas pelo líder negro sula africano Nelson Mandela que foi humilhado em praça pública algemado e acorrentado nos pés 1968 e mantido preso até o final dos anos 1980. Solto em 1990 Mandela tornou-se o Nobel da Paz e também foi eleito presidente da África do Sul na velhice e governou com sucesso, com enorme apoio popular como o de Lula ele tirou o país das cinzas, a áfrica do sul ultrapassou o Brasil em desenvolvimento industrial e social após o GOLPE JUDICIÁRIO o Brasil entrou numa profunda depressão econômica e social.
    EM 1960 OCORREU O GOLPE JUDICIÁRIO E MILITAR NA REPÚBLICA NO ANTIGO CONGO BELGA (ATUAL REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DO CONGO) E NA REPÚBLICA DO GONGO PORTUGUÊS (ATUAL ANGOLA)
    ESSE MESMO GOLPE DA CIA E DOS SERVIÇOS SECRETOS DA INGLATERRA E DA BÉLGICA COM PLANOS DE ASSASSINATOS POLÍTICOS OCORREU NA REPÚBLICA DEMOCRÁTICO DO CONGO EM 1961 QUE LEVOU O CONGO BELGA A UMA GUERRA CIVIL E AO TERROR.

    O ASSASSINATO DO LÍDER GONGOLÊS PATRICE LUMUMBA EM 18 DE JANEIRO DE 1961, APÓS SER PRESO, ALGEMADO E ACORRENTADO E TORTURADO, ELE FOI ASSASSINADO E SEU CORPO FOI COLOCADO NUM BARRIL DE ÁCIDO PARA SER DESINTEGRADO. O PLANO FOI TRAMADO PELA CIA E PELO SERVIÇO SECRETO BELGA.
    A DIVISÃO DO CONTINENTE AFRICANO EM 48 NAÇÕES FOI FEITA AO FINAL DO SÉCULO XIX DIVIDINDO EM COLÔNIAS DA FRANÇA (SÍRIA, MARROCOS, ARGÉLIA, TUNÍSIA, MAURITÂNIA) BÉLGICA (RUANDA, CONGO, BURUNDI, ZÂMBIA, SUDÃO, MALAWI) E DA INGLATERRA (AFRICA DO SUL, UGANDA, ZIMBABUE, NAMÍBIA, TANZÂNIA, SWAZILÂNDIA, BOTSUANA, LESOTO) E PORTUGAL FICOU COM AS COLÔNIAS ANGOLA, MOÇAMBIQUE, GABÃO, CONGO BRAZZAVILLE, CAMARÕES, REPÚBLICA DA GUINÉ, GABÃO, GAMBA, SENEGAL E COSTA DO MARFIM.

    O GENOCÍDIO NA COLONIZAÇÃO BELGA NO CONGO BELGA: MASSACRES, GUERRAS CIVIS, HUM MILHÃO DE MORTOS PARA ROUBAR AS RIQUEZAS DO CONGO E O PETRÓLEO.

    O REI DA BÉLGICA DETERMINOU UM ENORME MASSACRE NO ANTIGO CONGO BELGA (ATUAL REPÚBLICA DO CONGO) MATANDO MILHÕES DE CONGOLESES PARA ROUBAR JAZIDAS IMENSAS DE DIAMANTES, COBRE, TITÂNIO, ESTANHO, OURO, MOLIBDÊNIO, MANGANÊS E UMA IMENSA RESERVA DE PETRÓLEO QUE FOI DESCOBERTA AO LONGO DO CURSO DO RIO CONGO ATÉ O DELTA DO RIO CONGO E NAS CONCESSÕES PORTUGUESAS (UMA SEGUNDA DESCOBERTA EM 2008 REVELOU A EXISTÊNCIA DA CAMADA PRE-SAL AFRICANO QUE INCLUI A COSTA LESTE AFRICANA: CAMPOS DE DHÁLIA, PAZFLOR, KIZOMBA, ETC, NAS COSTAS DA NIGÉRIA, ANGOLA ATÉ O SUL DA GUINÉ EQUATORIAL).

    Resumen Latinoamericano / 18 de janeiro de 2016 – Há 55 anos, agentes dos serviços secretos belgas e da CIA introduziram o corpo de Patrice Lumumba em um barril de ácido e o fizeram desaparecer. O Congo poderia ter rumado para uma democracia popular mas, pelo contrário, ingressou em uma das piores ditaduras africanas do século XX.

    Foi o primeiro chefe de governo da República Democrática do Congo. Buscou a descolonização de seu país das mãos da Bélgica, destruir totalmente o poder colonialista europeu presente na África, erradicar o ultraje e o espólio que durante séculos sofreu o continente.

    Em 1958, se orientou decididamente para a luta pela descolonização do Congo por conta das escassas possibilidades de ação social que permitiam as autoridades coloniais belgas e, assim, fundou o Movimento Nacional Congolês, partidário de criar um Estado independente e laico, cujas estruturas políticas unitárias ajudaram a superar as diferenças tribais, criando um sentimento nacional.

    Após a independência em relação à Bélgica, em 1960, o Congo celebrou eleições e Patrice Lumumba, líder da luta independentista, chegou à presidência com um programa nacionalista e de esquerda.

    Lumumba não pode impedir que a retirada do exército belga desse lugar ao conflito político com golpes militares, ataques à população branca e distúrbios generalizados.

    A rebelião foi especialmente grave na região mineradora de Katanga, que se declarou independente, sob a liderança de Tschombé. Lumumba denunciou que esta secessão foi promovida pelo governo belga em defesa dos interesses da companhia mineradora que explorava as jazidas da região.

    Lumumba pediu ajuda à ONU, que enviou um pequeno contingente de «capacetes azuis» incapazes de restabelecer a ordem e, por isso, pediu o apoio da União Soviética, com o qual ameaçou diretamente os interesses ocidentais.

    O presidente dos EUA, Eisenhower, deu, então, a ordem para eliminá-lo. E enviou o agente da CIA, Frank Carlucci, que depois seria secretário de Defesa de Ronald Reagan.

    Um golpe de Estado derrubou Lumumba, em setembro de 1960. Foi brutalmente torturado e fuzilado por mercenários belgas, que dissolveram seu corpo em ácido e espalharam seus restos mortais para que não fosse reconhecido.

    Há pouco tempo, em novembro de 2001, o parlamento da Bélgica reconheceu a responsabilidade de seu Estado na morte de Patrice Lumumba.

    Foi assassinado dessa maneira por conta da grande batalha política e ideológica que travou para apresentar a unidade como instrumento e via para a conquista da libertação por parte dos povos africanos dos jugos coloniais, que se mantinham no momento em que liderou sua luta e que ainda se mantém, incluindo entre eles o neocolonialismo nascente e o imperialismo norte-americano que já começava a ser introduzido nos países africanos para somar-se aos saqueadores das riquezas desse continente.

    O pensamento de Patrice Lumumba constituiu um perigo para as potências ocidentais exploradoras dos povos africanos. Meio século depois, as autoridades estadunidenses reconheceram sua implicação na derrubada e assassinato do líder congolês.

    Fonte: http://www.resumenlatinoamericano.org/2016/01/18/hace-55-anos-la-cia-asesino-a-patrice-lumumba-lider-revolucionario-congoles/

DEIXE UMA RESPOSTA