Escola Pública Itinerante na Argentina é um centro de debate político, cultural e científico organizado pelos sindicatos dos professores de Cteba, Suteba e UTE para comunicar-se com a sociedade e explanar a sua luta para que o governo Macri respeite a Lei das Paritárias, e as exigências salariais de acordo ao custo de vida atual e a inflação que chega aos 40%. A Escola foi levantada frente ao Congresso nacional e permanecerá até dia 5 de maio, contando com grande apoio e solidariedade de toda a população. Cobertura TV Cidade Livre.

DEIXE UMA RESPOSTA